Investimentos - Câmara aprova e venda do Anhembi vai à sanção de Dória - Notícia - Turismo
Home

www.panrotas.com.br

Câmara aprova e venda do Anhembi vai à sanção de Dória

- Investimentos
Raphael Silva Raphael Silva
Thyago Medeiros
Venda do Complexo Anhembi, na zona norte de São Paulo, depende agora apenas da sanção do prefeito João Dória
Venda do Complexo Anhembi, na zona norte de São Paulo, depende agora apenas da sanção do prefeito João Dória
A Câmara Municipal de São Paulo aprovou, nesta quarta-feira (6), o texto que trata da privatização do Complexo Anhembi, onde são realizados desfiles de escolas de samba e outros eventos. A votação obteve 34 votos a favor, 11 contra e três abstenções, e agora passa pela redação final antes de ir à sanção do prefeito João Dória.

Mesmo sem poder realizar a venda antes da decisão de Dória, a prefeitura já pode iniciar o processo burocrático e estudos necessários para a negociação, que envolve também a São Paulo Turismo (SP Turis).

A privatização, porém, ainda depende de um projeto que defina índices e parâmetros de ocupação do solo, uma vez que o local está localizado em uma Zona de Ocupação Especial, que reúne atividades de características únicas, como centros de convenções, áreas de lazer, aeroportos e outros.

O texto aprovado recebeu duas emendas, sendo que uma delas, de autoria do vereador José Police Neto (PSD), prevê que 20% do valor arrecadado com a venda das ações da SP Turis sejam aplicados na zona norte, onde se encontra o Anhembi, nas áreas de saúde, educação, habitação, mobilidade ou segurança. A outra, de Mário Covas Neto (PSDB), garante que os cerca de 350 colaboradores da SP Turis não serão demitidos.

Além do complexo, o Estádio do Pacaembu, terminais de ônibus, o Bilhete Único, gestão de parques, de mercados municipais, de sacolões, serviços de guinchos e de pátios de remoção também fazem parte do Plano Municipal de Desestatização. A privatização do Autódromo de Interlagos e a alienação de imóveis públicos, em trâmites políticos, também deve seguir o mesmo caminho.

*Fonte: Agência Brasil

conteúdo original: http://bit.ly/2nwfBMK
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA
CLIQUE E VOTE
© PANROTAS