SERVIÇOS

Nova York terá novo observatório em 2020; conheça

Charles Smith/Flickr
Topo da entrada principal do Grand Central Terminal, em Nova York
Topo da entrada principal do Grand Central Terminal, em Nova York

Uma nova forma de ver a capital financeira do mundo está nascendo. Empreendimento que deve ser o segundo mais alto da cidade a partir de 2020, quando estiver pronto, o Vanderbilt terá um mirante com área fechada e aberta a nada menos que 305 metros do chão. Localizado na ilha de Manhattan, o complexo já tem sua primeira torre em construção.

Aos viajantes a negócios que já conhecem Nova York, o novo mirante permitirá uma vista diferenciada da cidade e fará parte do conjunto de observatórios, que inclui o Empire State, o “Top of the Rock” no Rockefeller Center e o mirante que será erguido até 2019, no Hudson Yards.

A SL Green Realty Corp, empresa responsável pela construção do Vanderbilt, acredita que o mirante oferecerá uma experiência diferente dos demais justamente por conta da localização - o complexo ficará próximo ao Grand Central Terminal, uma das principais atrações turísticas de Nova York, além de acesso a transporte.

Ainda de acordo com a empresa, o observatório terá ligação direta com o terminal de trens da estação.

Os trabalhos nos mirantes são conduzidos pela empresa canadense GSM Project, que elaborou o design dos decks do maior prédio do mundo, o Burj Khalifa (Dubai), e da Shard London Bridge.

Ainda não se sabe se as visitas serão cobradas.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA