Nova aérea de Neeleman confirma pedido de 60 A220-300 | Empresas | PANROTAS
EMPRESAS

Nova aérea de Neeleman confirma pedido de 60 A220-300


Divulgação/ Airbus
Modelo A220-300 tem foco em mercados de 100-150 lugares
Modelo A220-300 tem foco em mercados de 100-150 lugares
A startup da aérea norte-americana Moxy, liderada por David Neeleman, fundador da Jetblue e Azul, assinou um pedido firme com a Airbus para a compra de 60 aeronaves A220-300. A nova aérea terá como proposta ser uma ultra low cost.

“Com um baixo custo de operação e cabine espaçosa, o A220 nos permitirá oferecer aos passageiros tarifas mais baixas e uma experiência de voo confortável e de alta qualidade. A capacidade do A220 de operar lucrativamente em mercados mal servidos é única”, disse Neeleman.

O modelo tem como foco o mercado para 100-150 lugares, que deve representar pelo menos sete mil aeronaves nos próximos 20 anos, de acordo com a fabricante. A Jetblue também acabou de fechar o pedido bilionário de 60 aeronaves A220-300.

"A Moxy está voltada para o futuro, então não posso pensar em uma aeronave melhor para colocar em sua frota", afirma o diretor comercial da Airbus, Christian Scherer. “Acreditamos que o A220 realmente é o futuro deste segmento do mercado, e o público saberá, desde o momento em que pisar a bordo, que está experimentando o melhor que nossa indústria tem a oferecer”, ressalta.

O pedido foi concluído na última semana de dezembro e a Airbus produzirá o modelo em uma nova instalação em Mobile, nos Estados Unidos. A construção da usina, adjacente à instalação de montagem existente para o A320, começará no final deste mês.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA