NOVAS ROTAS

Foz prevê voos internacionais de Copa, Azul e Avianca


Henrique Santiago
Gilmar Piolla: da Itaipu Binacional para o Turismo de Foz em 2017
Gilmar Piolla: da Itaipu Binacional para o Turismo de Foz em 2017
MADRI – Após fechar o último ano com 15% a mais de turistas, a cidade de Foz do Iguaçu (PR) inicia 2018 com expectativas de se internacionalizar. Em visita à 38ª Fitur, o secretário do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codefoz), Gilmar Piolla, revelou à reportagem as investidas do destino das cataratas.

A malha aérea internacional deve ganhar pelo menos quatro voos internacionais. Piolla lidera uma negociação frente à Infraero para trazer mais empresas para a cidade. Ele indica que as negociações estão “avançadas” com pelo menos três transportadoras.

Os serviços partirão de Bogotá (Avianca), Montevidéu e Assunção (Azul) e Cidade do Panamá (Copa Airlines). De acordo com ele, todas as saídas serão regulares, mas ainda não há detalhes sobre a operação.

“Todos esses voos devem acontecer ainda este ano”, adiantou Piolla, que deu ênfase ao processo de tornar Foz uma porta de entrada de turistas estrangeiros.
Até o momento, a malha internacional da cidade é contemplada apenas pela cidade de Lima, em operação da Latam Airlines Peru. Em 10 de fevereiro, a Latam Brasil irá inaugurar um voo a partir de Salvador.

O destino paranaense receberá este ano a Termatalia, a feira internacional de Turismo termal. O encontro acontecerá de 19 a 22 de setembro, no Recanto das Cataratas, com expectativas de receber mais de três mil pessoas.

Outro evento próximo de ser confirmado é o congresso anual da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, a Apavt, em 2019.

O Portal PANROTAS é media partner da Fitur, e viaja com proteção GTA
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA