Avianca inaugura São Paulo-Navegantes com 2 voos diários | Aviação | PANROTAS
AVIAÇÃO

Avianca inaugura São Paulo-Navegantes com 2 voos diários

Leonardo Ramos
Rota São Paulo-Navegantes é realizada em um A320, para 162 passageiros
Rota São Paulo-Navegantes é realizada em um A320, para 162 passageiros

NAVEGANTES (SC) - Mais um destino nacional é contemplado pela Avianca Brasil. Após chegar a Foz do Iguaçu, e anunciar Miami e Santiago como primeiros destinos internacionais, dessa vez a aérea brasileira alcançou a cidade de Navegantes, vizinha da badalada Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

O voo inaugural partiu na manhã desta segunda do aeroporto de Guarulhos com 125 passageiros a bordo, incluindo o VP da aérea, Tarcísio Gargioni, e diretor comercial, Rodrigo Napoli, com pouso às 9h35, dez minutos antes do previsto. E como de praxe, Gargioni pegou o microfone durante o voo de estreia da rota, agradecendo aos presentes e celebrando mais um destino da empresa, que chega a 233 voos com o novo trajeto.

Mesmo inaugurado hoje, a expectativa de ocupação já é alta, e segundo Napoli deve ser de cerca de 85%. Definido após um "longo estudo de mercado", o trajeto terá três voos diários durante a semana, caindo para dois aos sábados e domingos, e é realizado por um Airbus 320, com capacidade para 162 pessoas. Os voos são divididos durante o dia, com um matutino, um durante a tarde e outro no início da noite.

Leonardo Ramos
Tarcísio Gargioni discursa no voo inaugural
Tarcísio Gargioni discursa no voo inaugural
A aeronave utilizada na estreia, inclusive, é uma das seis da Avianca Brasil que já tem wi fi a bordo. Em discurso, o VP da aérea voltou a afirmar que a previsão é que, até o final do ano, 80% das aeronaves já possuam a internet sem fio.

POR QUE NAVEGANTES?
O objetivo com o novo voo, segundo o VP da aérea, é atingir todos os 50 municípios do Vale de Itajaí. “Se você olhar para todo o Estado de Santa Catarina, fica óbvio que o Vale de Itajaí, com toda sua estrutura econômica, chama atenção para seu potencial de mercado”, argumentou Gargioni, lembrando que a aérea já possui oito voos diários para a capital catarinense, Florianópolis, além de dois diários para Chapecó.

O VP comenta ainda que a outra opção cogitada no Estado era Joinville. “Optamos por Navegantes por ser possível atender a todos esses municípios, que se destacam tanto em Turismo de lazer quanto corporativo”, explicou, destacando o grande número de passageiros já no voo inaugural: foram 125, na aeronave com capacidade para 162 pessoas.

Confira abaixo tabela de horários do novo trajeto:
DiárioOrigemPartidaChegadaDestino
Diário
Guarulhos8h309h45Navegantes
Diário
Navegantes10h2011h35Guarulhos
Segunda a SextaGuarulhos13h2014h35Navegantes
Segunda a Sexta
Navegantes15h0516h20Guarulhos
Diário
Guarulhos17h3518h50Navegantes
Diário
Navegantes20h0021h15Guarulhos

CORPORATIVO EM DESTAQUE

Leonardo Ramos
Rodrigo Napoli, diretor comercial da Avianca Brasil, em coletiva de imprensa junto a Gargioni
Rodrigo Napoli, diretor comercial da Avianca Brasil, em coletiva de imprensa junto a Gargioni

Questionado quanto ao apelo turístico da cidade, Rodrigo Napoli explicou que embora as praias da região atraiam muitos viajantes a lazer, o que deve manter os voos cheios durante o ano todo é principalmente o mercado corporativo.

“O que acontece é que o Turismo de lazer aqui sofre uma grande sazonalidade: enquanto no verão as praias enchem, durante as demais estações a região tem temperaturas muito baixas, afastando os turistas da praia”, explicou Napoli. “O lado corporativo do Vale do Itajaí, por outro lado, é forte, e os viajantes a trabalho é que devem manter a regularidade nos voos da companhia durante o ano todo”, complementou, lembrando ainda que a região abriga um dos principais polos da indústria naval brasileira.

MAIS DOIS DESTINOS NO ANO
Gargioni levantou ainda a possibilidade de que dois novos destinos sejam lançados ainda este ano; porém, a falta de espaço nos aeroportos pode complicar os planos. "Quando consultamos os aeroportos de São Paulo verificamos a dificuldade em conseguir espaços disponíveis para novos voos. Congonhas é praticamente impossível", lamentou.

Um dos destinos que pode surgir é Bogotá, onde está localizado o hub da Avianca Holdings. O diretor do grupo colombiano para o Brasil, Ian Gillespie, inclusive, esteve presente no voo de estreia para Navegantes, junto a Gargioni e Napoli, levantando a hipótese ainda de uma aproximação entre as empresas aéreas brasileira e colombiana. Uma fusão entre as duas, inclusive, já foi comentada pelo fundador da Avianca Brasil, José Efromovich.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA