Mercado - Clickbus cria plataforma para agências de viagens - Notícia - Turismo
Home

www.panrotas.com.br

Clickbus cria plataforma para agências de viagens

- Mercado
Rodrigo Vieira Rodrigo Vieira
Co-fundador e co-CEO da Clickbus Cesário Martins
Mercado , Co-fundador e co-CEO da Clickbus Cesário Martins
Co-fundador e co-CEO da Clickbus Cesário Martins
O portal de vendas de passagens de ônibus Clickbus pretende aproximar-se do trade turístico em 2015 (confira vídeo abaixo). Criada em agosto de 2013, a empresa brasileira já atua no mercado de outros sete países, onde já vendeu mais de 600 mil bilhetes. No Brasil, a plataforma reúne mais de 40 viações, o que representa mais de 80% do território em um número acima de três mil destinos. O crescimento do e-commerce entusiasmou seus criadores a levar às agências de viagens um produto inicialmente pensado apenas no consumidor final.

“Há cerca de três meses criamos uma plataforma aos agentes de viagens, pois pretendemos ser uma ponte efetiva de acesso rodoviário nas agências já a partir de 2015”, explica o co-fundador e co-CEO da Clickbus, Cesário Martins, ainda mostrando como funciona o faturamento em ambos os lados. “A agência emite a passagem, repassa a taxa de serviço à Clickbus, que varia de acordo com a rota, e é livre para cobrar quanto quiser de comissão do cliente. Não restringimos o profissional no quanto ele cobra de seu passageiro.”

Martins também garante que, para facilitar no faturamento em cima do bilhete emitido, o consultor de viagens não precisa mostrar ao cliente que fez a compra pelo Clickbus. O executivo também ressalta que sua empresa pode funcionar como uma espécie de consolidadora. “No contrato, definimos um prazo para que a agência pague o acumulado das passagens de uma vez só, sem juros. Isto é, passado um certo período, emitimos um boleto para que as lojas paguem a soma de todas as passagens de uma vez só.”

Por fim, Martins afirma já estar a todo vapor com mais de 100 empresas do turismo, mas que esse ano, com uma posição mais forte, pretende elevar em muito esse número. “Vamos buscar o diálogo e a capacitação de agências de viagens para entrar de vez no mercado turístico.”


PASSAGENS RODOVIÁRIAS ON-LINE
As compras de bilhetes de ônibus pela internet dobraram no ano passado, mas ainda representam menos de 1% nesse mercado, de acordo com Martins. O executivo aponta que, em 2014, 0,8% das viagens rodoviárias foram adquiridas on-line contra 0,4% no ano anterior. Exatamente por representar tão pouco, as expectativas da Clickbus são as mais otimistas possíveis, segundo ele.

“Estamos tão esperançosos de que vamos crescer muito, que seria difícil apontar um número já para o ano que vem. Portanto, minhas expectativas são de que em cinco anos 20% das passagens serão vendidas pela internet”, projeta, acrescentando que no Brasil o Clickbus agrega muito mais valor a seu mercado do que as OTAs agregam no mercado aéreo. “Nossa base de dados é muito mais fragmentada, pois temos de reunir dezenas de empresas, enquanto, no transporte aéreo, as rotas ficam nos domínios de poucas grandes empresas, a exemplo de Gol, Tam, Azul e Avianca.”

Cesário Martins atende no corporativo@clickbus.com.br

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA
CLIQUE E VOTE
© PANROTAS