TMCS

Maringá lança plataforma de lazer exclusiva para seus clientes corporativos

Dreamstime
Objetivo é levar viajantes corporativos também para o Turismo de lazer
Objetivo é levar viajantes corporativos também para o Turismo de lazer
A Maringá Turismo anunciou nesta semana o lançamento de uma plataforma de e-commerce, chamada Maringá Lazer. Embora direcionado, como o próprio nome diz, ao Turismo de lazer, o serviço personalizado foi desenvolvido exclusivamente para os clientes corporativos da empresa: a ferramenta permitirá que os funcionários das contas cadastradas possam usar os serviços da agência também para suas viagens pessoais fora do trabalho, estendendo, assim, o benefício das empresas que fecharem algum tipo de parceria com a TMC brasileira.

Cada cliente terá sua própria conta na nova plataforma, que pode ser usada para cotar, simular e comprar vários tipos de serviço de viagens, como passagens aéreas, hospedagem, cruzeiros, intercâmbio e ingressos para eventos variados. Guias de informações com endereços de aeroportos e embaixadas, conversão de valores e monitoramento de voos em tempo real também estão disponíveis no novo recurso.
Divulgação/Maringá
Daniel Matias, diretor de Marketing e Operações da TMC, defende o novo serviço como um diferencial da Maringá
Daniel Matias, diretor de Marketing e Operações da TMC, defende o novo serviço como um diferencial da Maringá

O pagamento pode ser feito por cartão de crédito, e o benefício também pode ser estendido aos familiares, desde que a compra seja feita pelo próprio colaborador.

“Queremos oferecer nossos serviços, com a facilidade que a tecnologia proporciona, para que nossos clientes possam conhecer novos destinos e culturas. Queremos que a Maringá esteja presente em todos os momentos, não apenas em suas viagens a trabalho, mas também em seus momentos de lazer e diversão”, explicou o diretor de Marketing e Operações da Maringá Turismo, Daniel Matias.

A Maringá Lazer já está em funcionamento, inclusive sendo utilizada por alguns clientes da agência.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA