87% dos passageiros de GRU Airport se sentem confiantes para viajar

|


Divulgação
Pesquisa da JCDecaux ouviu viajantes no GRUAirport
Pesquisa da JCDecaux ouviu viajantes no GRUAirport
Pesquisa realizada pela JCDecaux, empresa especializada em mídia aeroportuária, com passageiros do GRU Airport, mostra que 87% dos turistas se sentem confiantes e seguros ao viajar. Segundo a pesquisa realizada em julho de 2021, 53% dos entrevistados já possuem viagem marcada para os próximos meses e, desses, 33% irão para destinos internacionais.

O levantamento foi apresentado no Webinar Aeroportos - A magia de viajar está voltando, realizado pela JCDecaux nesta quarta-feira (18), e que contou com a participação da diretora-geral da JCDecaux, Ana Celia Biondi, de Paulo Kakinoff, CEO da Gol Linhas Aéreas, de Gustavo Figueiredo, CEO do GRU Airport, e de Leonel Andrade, CEO da CVC Corp.

Divulgação
Paulo Kakinoff, CEO da Gol
Paulo Kakinoff, CEO da Gol
Para Kakinoff, a imunização coletiva da população brasileira se traduzirá no aumento dos voos e viagens nos próximos meses. "Em junho, nos voos domésticos, operamos com cerca de 65% do que seria a demanda normal e temos a expectativa de atingir o patamar de 90% ou mais da operação entre dezembro e janeiro de 2022, meses de alta temporada de verão no Brasil. Para os voos internacionais, nós enxergamos que essa recuperação demorará mais por causa das restrições de entrada aos brasileiros em outros países", destaca o CEO da Gol.

O presidente do GRU Airport, Gustavo Figueiredo, conta que os voos domésticos já operam com 75% da capacidade pré-pandemia e que o aeroporto tem preparado sua infraestrutura para o retorno do fluxo internacional. "Conversamos semanalmente com as companhias aéreas e sabemos que já existe um número muito grande de passagens para ser alocadas. Quando os países abrirem suas fronteiras para o Brasil novamente a retomada virá em ritmo muito forte e rápido", disse.

PANROTAS / Emerson Souza
Gustavo Figueiredo, CEO do GRUAirport
Gustavo Figueiredo, CEO do GRUAirport
Outro indicativo dessa rápida retomada é corroborada pela experiência global da JCDecaux, que está presente em mais de 156 aeroportos no mundo. "Em grandes mercados em que há alta taxa de imunizados, temos visto que o movimento de retorno às viagens tem sido intenso. O aeroporto de Dubai, inclusive, recebeu mais de 10 milhões de viajantes no primeiro semestre do ano. A China teve uma impressionante recuperação dos voos domésticos, e já voltou praticamente aos patamares pré-pandemia. Nice na França, precisou reabrir o T1, fechado durante a pandemia, para poder atender a demanda do verão Europeu", conta Ana Célia Biondi, diretora-geral da JCDecaux Brasil.

Divulgação
Leonel Andrade, CEO da CVC Corp
Leonel Andrade, CEO da CVC Corp
A pesquisa em GRU ainda mostra que os saguões de embarque e desembarque já estão voltando a ser lugares de encontro e despedidas, já que 71% dos entrevistados estão viajando a lazer ou para visitar familiares e amigos. Na CVC Corp, segundo o CEO Leonel Andrade, somente nas últimas duas semanas, as vendas cresceram 90% em comparação com o mesmo período de 2019. "O viajante brasileiro de hoje tem buscado mais informação e segurança em suas viagens e estão descobrindo ainda mais o Brasil, conhecendo novos lugares e vendo que não falta lugar bom para se visitar por aqui", conta.

WEBINAR
A segunda edição da série de Webinars OOH Thinker Aeroportos - A magia de viajar está voltando acontece na semana do 20 de setembro, com a presença de outrosnomes do ecossistema de turismo nacional.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA