EMPRESAS

Aéreas angolanas são liberadas para voos na União Europeia

A TAAG Angola Airlines e a Heli Malongo Airways estão liberadas para operações envolvendo países membros da União Europeia. Desde a última terça-feira (16), ambas as companhias aéreas angolanas foram retiradas da lista de empresas proibidas de acessarem o espaço aéreo europeu, assim como seus aeroportos.

Wikicommons
TAAG já opera rotas regulares entre Luanda, em Angola, São Paulo e Rio de Janeiro
TAAG já opera rotas regulares entre Luanda, em Angola, São Paulo e Rio de Janeiro
Desde novembro de 2008, as aéreas contavam com condições especiais para operações no Velho Continente, podendo voar apenas com algumas de suas aeronaves. Agora, com a aprovação dos parâmetros de segurança vigentes, a TAAG e a Heli Malongo poderão voar para a Europa a partir de Luanda, capital de Angola.

De acordo com comunicado oficial, outras companhias angolanas seguem banidas pela União Europeia, assim como as que têm origem na Moldávia. As exceções do país do leste europeu são: Air Moldova, Fly One e Aerotrans Cargo.

Países como República Dominicana e Bielorrússia também foram citados pela União Europeia, sendo alertados em relação a uma queda nos seus respectivos índices de segurança. Atualmente, nenhuma companhia dominicana voa para a Europa, enquanto a Belavia é a única bielorrussa com voos regulares para nações que fazem parte da união econômica e política.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA