Latam lamenta e Azul aplaude regras para distribuição de slots

|

A Anac definiu na tarde desta quinta-feira os novos critérios para distribuição temporária de 41 horários de pousos e decolagens (slots) diários no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Pelas novas regras, os slots serão inicialmente repassados às empresas consideradas entrantes no aeroporto, ou seja, aquelas que atualmente possuem até 54 slots. Desta forma, Gol e Latam não poderão pedir nenhum dos horários disponíveis, já que elas possuem 236 e 234 slots, respectivamente.

PX Here
Regras foram divulgadas hoje pela agência
Regras foram divulgadas hoje pela agência

Em nota, a Azul aplaudiu a decisão da Anac de redistribuir os slots que não vêm sendo utilizados em Congonhas. “Como a companhia vem ressaltando, a medida favorece o consumidor e traz maior competitividade ao setor. Assim, Congonhas, que hoje tem 95% de suas operações concentradas em apenas duas empresas, terá maior oferta e concorrência em rotas domésticas importantes, como São Paulo-Rio e São Paulo-Brasília”, diz o comunicado. Ainda segundo o texto divulgado, a empresa “reafirma sua confiança de que os órgãos reguladores brasileiros encontrarão uma solução definitiva que trará maior benefício ao consumidor e um uso mais eficiente dos slots, que são um valioso recurso público.”

Já a Latam lamentou a decisão da agência e disse que “ o cenário de insegurança jurídica do setor aéreo brasileiro e que, além de não atender aos parâmetros globais da Iata, cede à pressão em benefício de um único player do mercado.”

Procurada para comentar o assunto, a Gol disse que não se manifestará.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA