Movida

Marcel Buono   |   30/08/2019 14:23

Dívida aeroportuária suspende voos da South African Express

Reuniões entre as partes foram realizadas nos últimos dias com o intuito de negociar a questão, porém, a ACSA rejeitou a proposta da SA Express

A South African Express suspendeu suas operações, na última quarta-feira (28), por conta de um impasse financeiro com a ACSA, companhia responsável pela administração de aeroportos na África do Sul e no Exterior, como o de Guarulhos (SP), por exemplo. De acordo com o CH Aviation, a aérea possui uma dívida de cerca de US$ 4,6 milhões com a empresa.

Wikicommons
South African Express opera jatos de médio porte
South African Express opera jatos de médio porte
Reuniões entre as partes foram realizadas nos últimos dias com o intuito de negociar a questão, porém, a ACSA rejeitou a proposta da SA Express. A companhia aérea, que é estatal, também negocia com o Departamento de Empresas Públicas do país para a liberação de mais de US$ 13 milhões.

Atualmente, a South African Express conta com 24 aeronaves em sua frota, todas fabricadas pela Bombardier: CRJ200, CRJ700 e Dash 8. Além de cidades sul-africanas, a empresa também voa para Botswana, República Democrática do Congo e Namíbia.

Tópicos relacionados

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

Mais notícias