Credores aprovam plano de recuperação da South African Airways

|

O plano de recuperação judicial da South African Airways foi aprovado pelos credores com 86% de votos a favor. A notícia foi publicada pelo site Simple Flying nesta terça-feira (14). Com isso, o governo da África do Sul vai precisar de US$ 596 milhões para financiar a companhia.

“É um importante passo adiante para a companhia aérea e fornece a certeza necessária para um SAA reestruturado”, disse o administrador da SAA, Siviwe Dongwana.

Wikicommons
Para que o plano funcione, a frota da companhia aérea precisará ser reduzida, assim como o quadro de funcionários. Como relatado pelo Simple Flying, as operações da companhia aérea serão gradualmente aumentadas à medida que as restrições de viagem forem diminuídas.

A SAA deixou de voar para o Brasil no início deste ano, depois de mais de 50 anos de operação no País. Além disso, outras rotas foram desativadas na mesma época: Munique, Hong Kong e Guangzhou.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA