INVESTIMENTOS

CEO da United diz que viagens precisam ser “desestressadas”

Em entrevista à CNBC, o CEO da United Airlines, Oscar Munoz, abordou alguns planos para o futuro da companhia aérea, que pretende se concentrar no desenvolvimento da experiência do passageiro nos próximos anos. De acordo com o executivo, o objetivo da empresa é “desestressar” a rotina de viagens e seus processos envolvidos.

Divulgação/United Airlines
Oscar Munoz, CEO da United Airlines
Oscar Munoz, CEO da United Airlines
“Como mantemos você informado? Como mantemos você focado e firme quando alguma coisa dá errado? O mais importante é saber, antes mesmo de sair de casa, se o voo está dentro do horário programado e seus planos mantidos. Temos que ‘desestressar’ tudo o que envolve uma viagem”, comentou Munoz.

Ciente de que ainda há muito o que melhorar no atendimento ao cliente, principalmente naquilo que é relacionado à comunicação, Munoz afirmou que algumas medidas recentes, como o aumento das taxas de bagagens, podem ajudar nesse processo futuramente.

“É sempre importante reinvestir no negócio e isso é uma coisa que nem todo mundo entende, principalmente os clientes. Todo o dinheiro que é arrecadado de um lado deve ser utilizado em avanços em outras frentes dentro da empresa. Queremos que as pessoas sintam prazer em viajar conosco”, continuou o CEO da United.

Desde 2015 no cargo, Oscar Munoz tem focado seu trabalho em conseguir a confiança dos funcionários da United, motivando-os para que todos se desenvolvam em conjunto.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA