INVESTIMENTOS

Jetblue acerta compra bilionária de 60 Airbus A220-300

Steve Lynes
Modelo A220 da fabricante francesa em exibição na Farnborough Show, em 2018
Modelo A220 da fabricante francesa em exibição na Farnborough Show, em 2018
A companhia norte-americana Jetblue encomendou 60 aeronaves Airbus A220-300, o maior modelo da nova família A220 da fabricante. Caso o valor da aeronave mantenha-se em 2019 o mesmo do ano passado, de US$ 91,5 milhões, o valor da encomenda pode bater os US$ 5,1 bilhões.

O pedido foi concluído na última semana de dezembro, e a fabricante francesa produzirá as aeronaves do pedido em uma nova instalação de montagem em Mobile, Alabama (EUA), que deve começar a ser construída no final de janeiro. Ela ficará ao lado da instalação de montagem já existente do Airbus 320.

A frota da Jetblue inclui 193 aeronaves A320 e A321neo da Airbus em operação; outras 85 aeronaves A321neo estão na carteira de pedidos da aérea estadunidense junto à Airbus.

"A Jetblue provou que não há contradição entre eficiência econômica e um produto de alta qualidade", comentou o diretor comercial da Airbus, Christian Scherer, sobre a nova encomenda. “O endosso da A220 prova que essa aeronave atende a esses dois critérios melhor do que qualquer alternativa em seu segmento. Obrigado à Jetblue e parabéns por este grande marco no seu crescimento.”

O A220 conta com alcance de pouco mais de cinco mil quilômetros, além de materiais avançados e nova aerodinâmica que promete oferecer pelo menos 20% menos queima de combustível por assento em comparação com as aeronaves da geração anterior.

Até o momento, a carteira de encomendas de aeronaves A220 já passa de 500, e o plano da Airbus é que o jato domine o mercado de aviões com capacidade entre 100 e 150 passageiros nos próximos 20 anos.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA