Boeings 747 que seriam aposentados ganham nova utilidade

|

Divulgação/ Delta Airlines
Delta foi uma das companhias que já tiraram o modelo de suas operações
Delta foi uma das companhias que já tiraram o modelo de suas operações
A geração mais antiga de jatos Boeing 747-400 jumbo ganharam nova função e, ao invés de serem desmontados, estão sendo utilizado no transporte de cargas de produtos sensíveis, como celulares da Apple, produzidos na China, e flores cultivadas na América Latina. De acordo com o Skift, há um crescimento na demanda por esse tipo de transporte em jatos de longo alcance.

“Com os modelos de fábrica da Boeing esgotados até 2021, as transportadoras estão comprando cargueiros gigantes que foram construídos de 1993 a 2009”, afirma o diretor executivo da Atlas Air Worldwide Holdings, maior operadora mundial de aviões de carga jumbo, William Flynn. Além disso, a Atlas Air, que tem dez unidades da última versão de carga da empresa em sua frota, deseja a compra de mais unidades 747-8. “Não dissemos quando ou quantos, mas é um ótimo trunfo.”

O número de jumbos aposentados ou desmontados da Boeing mais que mais que dobrou, de 442 em 2010 para 890 neste ano, segundo análise da Bloomberg Intelligence com dados do Flight Ascend. Nesse cenário, o novo negócio é considerado como opção para diminuir o número de aeronaves que estão fora de operação.


*Fonte: Skift

conteúdo original: https://bit.ly/2rTPBtE
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA