Associações lançam projeto para inspecionar hotéis no Rio

|

Divulgação
O projeto foi idealizado em parceria com a consultora de Recursos Humanos Valéria Leal
O projeto foi idealizado em parceria com a consultora de Recursos Humanos Valéria Leal
Com a intenção de garantir o cumprimento das normas de prevenção à covid-19, a ABIH-RJ (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado do Rio de Janeiro) e o Hotéis Rio (Sindicato dos Meios de Hospedagem do Rio de Janeiro) acabam de lançar o projeto Hóspede Oculto, que leva especialistas para inspecionar como os protocolos de saúde e segurança tem sido aplicados em empreendimentos da capital fluminense.

O projeto foi idealizado em parceria com a consultora de Recursos Humanos Valéria Leal e se une a outras ideias, como os selos de segurança sanitária, que buscam garantir a qualidade do atendimento e o cumprimento das medidas de segurança indicadas para o atual momento.

Sem se identificar no momento da reserva, nem tampouco da hospedagem, o hóspede oculto irá se hospedar no empreendimento como um cliente regular, com uma matriz de observação, que pode ser customizada de acordo com as demandas do proprietário. Ao final da reserva será gerado um relatório que apontará os pontos de melhoria. Somente após as correções, o empreendimento terá acesso ao selo de aprovação do projeto Hóspede Oculto da ABIH-RJ e Hotéis Rio.

Além da análise de prevenção à covid-19, os hotéis também poderão contratar os serviços do hóspede oculto para as observar itens como reserva e recepção, alimentos e bebidas, e hospedagem e recreação.

"Nossa matriz foi desenhada por especialistas do setor, a partir da nossa vivência de representação dos meios de hospedagem e vem atender a uma demanda latente dos empreendimentos por inspeção e treinamento das equipes que atuam na linha de frente com o hóspede", explica o presidente da Hotéis Rio e presidente do conselho da ABIH-RJ, Alfredo Lopes.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA