O Turismo sul-africano nos 100 anos de Nelson Mandela

|

Raphael Silva
Mandela Capture Site marca o local onde Madiba foi capturado, durante o período do Apartheid
Mandela Capture Site marca o local onde Madiba foi capturado, durante o período do Apartheid
No ano em que Nelson Mandela completaria um século de vida (comemorado hoje, 18 de julho), a África do Sul mostra cada vez mais opções turísticas para quem quer reviver um pouco da vida do ex-presidente. Das ruas de Joanesburgo às montanhas de Howick, a imagem do ícone sul-africano segue viva entre as pessoas e fomenta, cada vez mais, o Turismo no país.

Na Casa de Mandela, no bairro de Soweto, o destaque, neste ano, fica para a ex-esposa do ícone, Winnie Madikizela-Mandela. A ativista, que foi casada com ele durante a época em que foi preso, no período do Apartheid, faleceu no início deste ano e ganhou homenagens na residência em que viveu junto a Madiba.

Ainda em Joanesburgo, o Museu do Apartheid proporciona uma experiência forte aos visitantes. Do momento em que são recebidos os ingressos, separados propositalmente e aleatoriamente em 'brancos' e 'não-brancos', o local faz com que as pessoas sintam como se estivessem no período em que reinava o regime de segregação racial.

A centenas de quilômetros de distância da cidade em que Mandela viveu por tantos anos, uma estrada na pequena Howick mostra o local exato onde Madiba foi preso, em 1962. Ainda um espaço temporário, o Mandela Capture Site terá um museu inteiro inaugurado até o fim deste ano, com o objetivo de mostrar, de uma outra maneira, a batalha do ícone pela liberdade.

Clique no link e faça a leitura na íntegra da matéria, a partir da página 24.

APLICATIVO
Para quem tem interesse em conhecer de perto os locais que marcaram essa história, o Turismo da África do Sul criou o aplicativo "Madiba’s Journey" (ou "a Jornada de Madiba"), que indica, com riqueza de detalhes, 100 experiências relacionadas à vida de Mandela na África do Sul. É possível acessar textos e áudios a respeito delas, mapas e galerias de fotos. Além disso, utilizando dados de localização dos usuários, o app indica em tempo real a que distância eles se encontram das atrações, podendo ajudar também na organização de itinerários.

O aplicativo Madiba’s Journey está disponível para download no iTunes da Apple (para smartphones com sistema iOS) e no Google Play (para Android).
Links para download do aplicativo:
iTunes: http://migre.me/poYGv
Google Play: http://migre.me/poYJL

Também foi desenvolvido um mapa em arquivo PDF que contém boa parte das informações presentes no aplicativo. Para fazer download do mapa, de fotos e vídeos, acesse: https://bit.ly/2L66UEx

Mais informações e fotos: bianca@ticomunicacoes.com ou (11) 2506-6885 (Turismo da África do Sul no Brasil)
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA