Já superando o pré-pandemia, Coris faz convenção anual; veja fotos

|


PANROTAS / Emerson Souza
Luiz Gustavo da Costa, CEO, e Claudia Brito, diretora comercial da Coris
Luiz Gustavo da Costa, CEO, e Claudia Brito, diretora comercial da Coris
A solução encontrada pela Coris para encarar a crise foi manter o foco na força da união de equipes e parceiros, a fim de juntar esforços para superar a pandemia. A empresa de seguro viagem buscou ficar ainda mais próximo de seus parceiros, mantendo todos informados e acolhidos para que juntos todos atravessassem o momento mais fortes. De acordo com a diretora comercial da Coris, Claudia Brito, este foi o principal legado deixado por esses momentos tão desafiadores.

PANROTAS / Emerson Souza
Equipe Coris Brasil
Equipe Coris Brasil
Os resultados apareceram e, em novembro deste ano, a empresa superou o mesmo mês do período pré-pandemia (2019) em 23%. Por este e outros motivos a Coris reuniu colaboradores para uma convenção no Hotel Terras Altas, no interior de São Paulo, nesta sexta-feira (3). Coma a temática Conexão, o encontro abordou fatores como resiliência, retomada, produtos, destinos mais vendidos e capacitação.

Veja uma entrevista com a diretora comercial Claudia Brito e, na sequência, a foto dos colaboradores.

PORTAL PANROTAS - Qual é o momento vivido pelo setor de seguro viagem e pela Coris?
CLAUDIA BRITO - Em 2021 o seguro viagem ganhou ainda mais importância e, desde então, a Coris tem colhido os frutos desta nova necessidade por oferecer os produtos mais completos do Brasil.

Registramos um aumento de 23% nas vendas de nossos produtos quando comparado com o mesmo mês de novembro de 2019. O crescimento se revela ainda maior quando entende-se que a comparação de dois anos atrás era de um momento pré-pandêmico, em pleno fim de ano, e este ano ainda estamos em momento de retomada.

PANROTAS - Quais são os principais motivos para comemorar nesta confraternização?
CLAUDIA - São justamente os 20 meses de superação, precisamente no pior momento dos últimos tempos para o segmento, onde, mesmo assim, mantivemos o ânimo e a motivação da equipe como nosso foco. Por este motivo, hoje só temos o que celebrar.

Somado a isto, sabendo que um dos maiores desafios de manter a cultura em uma equipe remota é manter a conexão e a energia das equipes, escolhemos o tema Conexão para esta Convenção, a fim de fortalecer que o time da Coris está ainda mais conectado após superados tantos desafios e prontos para o próximo ano.


PANROTAS - Quanto as vendas de Estados Unidos impactaram na receita da empresa cerca de três semanas depois da reabertura das fronteiras do país?
CLAUDIA - Com relação às vendas de Estados Unidos, nós da Coris identificamos uma busca dos brasileiros para o destino aproximadamente 85% maior, desde a primeira semana da abertura. Neste cenário, percebemos um novo perfil de viajante que privilegiou a busca por seguro viagem completo como um dos principais pré-requisitos para viajar.

PANROTAS - Quais outros destinos internacionais merecem destaque?
CLAUDIA - Outros destinos internacionais que merecem destaque são: Portugal, França, México, Espanha, Argentina e Chile.


PANROTAS - A venda de seguros para destinos domésticos cresceu em 2021?
CLAUDIA - Sim, esta foi a primeira vez na história da Coris que o seguro nacional chegou a 34% do total dos bilhetes emitidos. Este número tem aumentado devido a uma maior busca por segurança.


PANROTAS - Quais são as principais ferramentas tecnológicas da Coris para os agentes de viagens?
CLAUDIA - Pensando nos agentes de viagens, investimos cada vez mais em tecnologia e implementamos o novo sistema de assistência, i-Syst, que otimizou os procedimentos e agilizou os processos de reembolso.

Trata-se de um sistema exclusivo de atendimento, 100% nacional, mais ágil, intuitivo e focado no viajante brasileiro. Também estamos atualizando nosso aplicativo, com objetivo de torná-lo mais dinâmico. E aumentaremos nossa capacidade de atendimento através da inteligência artificial, minimizando o tempo de atendimento para o passageiro. Ademais, também salientamos o nosso Portal de emissões, que gera facilidade e praticidade para o agente de viagens.


PANROTAS - O que a empresa espera de 2022?
CLAUDIA - Com a população vacinada e a retomada do Turismo, os resultados que esperamos para 2022 são mais viagens, tanto a lazer como a negócios. Acreditamos que o próximo ano será um dos melhores anos para o Turismo, podendo retornar a níveis pré-pandemia.

A preocupação com a saúde e segurança se mostrou um fator relevante para o crescimento na procura pelo seguro viagem e, em função disso, os agentes de viagens estão oferecendo nosso produto cada vez mais e se preocupando com produtos completos que contemplam a cobertura para Covid-19. Além disso, o seguro viagem tornou- se obrigatório para entrada na maioria dos destinos.

Somados todos estes fatores, nossas expectativas são as melhores e a Coris estará cada vez mais presente nos principais eventos do Turismo, com nossos executivos, gerentes e diretoria, ainda mais próximos dos agentes de viagens, gerando mais segurança na escolha e aquisição dos nossos produtos.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA