CRUZEIROS

MSC exalta 100% de ocupação e próximas temporadas

Victor Fernandes
Adrian Ursilli, Achille Staiano e Ignacio Hidalgo realizaram os anúncios em meio ao prêmio Top MSC
Adrian Ursilli, Achille Staiano e Ignacio Hidalgo realizaram os anúncios em meio ao prêmio Top MSC
No último domingo (11), o MSC Magnifica partiu de Santos em direção à Alemanha, marcando o fim de parte da programação prevista para a temporada 2017/2018. No entanto, a temporada apenas é concluída com a volta do MSC Preziosa, em 8 de março, marcando 100% de ocupação e 214 mil hóspedes embarcados.

Em comparação à temporada 2016/2017, o número representa um crescimento de 40%, já que a MSC contou com um navio a menos, por motivos de "readequação ao mercado global", segundo o diretor geral da companhia no Brasil, Adrian Ursilli. "A partir do momento em que recebemos o Meraviglia, já colocamos um navio de volta no Brasil, que foi o Musica. A MSC nunca deixou de acreditar no País, somos a única empresa que afirma que tem o mercado brasileiro como estratégico", completou Ursilli.

"Não somos como as outras que retiraram navios porque os preços não são convenientes. Para nós, o que conta não é a conveniência dos custos, mas o crescimento futuro. Investimento não significa só ganhar dinheiro imediatamente. Isso é resultado de uma companhia com uma filosofia de crescimento. Corremos riscos também, porque temos de lidar com a economia brasileira, mas como acreditamos no mercado, seguimos com o investimento", afirmou o chief sales officer global da MSC, Achille Staiano, ressaltando o market share de 62% da MSC no Brasil.

Para a temporada de 2018/2019, a MSC contará com um aumento de 13% em leitos no Brasil, com a vinda do recém-inaugurado Seaview, que tem capacidade para até 5,1 mil cruzeiristas em roteiros de seis e sete noites pelo Nordeste, Sul e Sudeste, com embarques em Santos (SP) e Salvador. Completarão a operação o Fantasia, com cruzeiros pelo Sudeste e para a Bacia do Rio da Prata, com embarque no Rio de Janeiro; o Poesia, com itinerários para os países vizinhos; e o Musica, que trará turistas argentinos para o Brasil.

Para 2019/2020, a armadora já anunciou que manterá os quatro navios da próxima temporada e ainda adicionará uma quinta embarcação: o Sinfonia. A embarcação partirá de Buenos Aires com destino ao Brasil, com embarques em Itajaí (SC) e, possivelmente, Montevidéu.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA