Princess cancela cruzeiro após confirmação de passageiro com coronavírus

|

Divulgação
Passageiro do cruzeiro anterior testou positivo para coronavírus
Passageiro do cruzeiro anterior testou positivo para coronavírus
A Princess Cruises se viu obrigada a cancelar um cruzeiro de oito dias a bordo do Diamond Princess. Isso porque um passageiro do cruzeiro anterior foi contaminado com o coronavírus. O navio foi colocado em quarentena e está ancorado na costa do Japão, perto de Tóquio, com mais de 3,6 mil pessoas a bordo.

Médicos estão passando cabine por cabine para checar a temperatura e condições médicas dos 2.666 passageiros, dos quais muitos se sentiram doentes, segundo o Ministério da Saúde do Japão. A vistoria médica deve demorar muitas horas e os passageiros e os 1.045 tripulantes só poderão deixar o navio hoje à noite, no mínimo.

De acordo com a empresa, o passageiro contaminado é um homem de 80 anos de Hong Kong que visitou a China no dia 10 de janeiro. "Ele visitou o hospital local de Hong Kong seis dias depois de desembarcar do nosso navio, onde depois foi testado positivo para coronavírus no dia 1 de fevereiro", declarou em nota. A Princess também afirmou que o senhor não visitou o centro médico do navio para reportar quaisquer sintomas ou desconforto.

O próximo cruzeiro a bordo do Diamond Princess começaria hoje, mas foi cancelado. "Nós entendemos completamente que essa decisão é frustrante, mas a saúde e segurança dos nossos passageiros, tripulantes e os lugares que visitaremos são prioridades. Todos os passageiros receberão reembolso completo e um crédito para cruzeiros futuros", afirmou o porta-voz da Princess.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA