DESTINOS

Kissimmee prevê alta com estreias de parques temáticos


Filip Calixto
Juliana Leveroni, D.T. Minich, Melissa Basilio e Nathalia Romano, do Experience Kissimmee, durante evento na capital paulista
Juliana Leveroni, D.T. Minich, Melissa Basilio e Nathalia Romano, do Experience Kissimmee, durante evento na capital paulista
O Experience Kissimmee, órgão responsável pelas vendas e marketing do destino da Flórida, nos Estados Unidos, espera um ano positivo com a inauguração de novas atrações na vizinha Orlando, que fica a pouco mais de 30 quilômetros. As estreias em parques temáticos são comemoradas pela região, que espera uma alta no aluguel das casas de férias nos próximos meses.

“Os parques temáticos são o principal motivo pelo qual os brasileiros vão para a Flórida. A nossa expectativa para 2019 é gigante porque com os lançamentos da Universal, que terá nova atração de Harry Potter, e da Disney, que abrirá a área de Star Wars, o turista do Brasil é o primeiro a chegar para conferir as novidades”, afirma a diretora de Relações Públicas para Mercados Internacionais do Experience Kissimmee, Juliana Leveroni, durante evento em São Paulo.

Filip Calixto
Time do Experience Kissimmee no Brasil: Anadi Luchetti, Vitor Moura, Ana Flavia Medina e Luiz Moura Júnior
Time do Experience Kissimmee no Brasil: Anadi Luchetti, Vitor Moura, Ana Flavia Medina e Luiz Moura Júnior
“O destino está em um momento excelente e somos a capital mundial das casas de férias, com mais de 22 mil unidades, desde apartamentos de dois dormitórios a mansões de 15 quartos. Esse conceito do brasileiro viajar e se hospedar em uma casa, principalmente nos Estados Unidos, está crescendo muito. O Brasil é o nosso principal mercado na América Latina, muito em razão da proximidade com Orlando, onde é mais difícil alugar uma casa a curto prazo”, ressalta.

Para o presidente e CEO do Experience Kissimmee, D.T. Minich, a experiência de sentir-se como um morador local influencia na popularidade da região. “Tivemos um número recorde de brasileiros na Flórida em 2018 e observamos o crescimento contínuo do mercado do Brasil, especialmente em Kissimmee, com o aluguel das casas de férias. O turista gosta de viver como um norte-americano e, em vários casos, o preço do aluguel das residências é parecido com as diárias de hotel tradicional”.

Veja mais fotos do evento abaixo:
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA