DESTINOS

Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1 voltará ao Rio de Janeiro


Divulgação F1
O Rio de Janeiro terá um autódromo de Fórmula 1, que levará o nome do ídolo brasileiro Ayrton Senna. A Cidade Maravilhosa já contou com provas da categoria mais importante do automobilismo mundial, até a década de 1980, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, mais conhecido como Jacarepaguá. A primeira prova deve acontecer em 2020

"A Fórmula 1, que iria embora do Brasil, decidiu não só permanecer, mas também construir um novo autódromo no Rio de Janeiro, que terá o nome do ídolo Ayrton Senna. Com isso, milhares de empregos serão criados, beneficiando a economia e a população do Estado", divulgou o presidente da República, Jair Bolsonaro.

A mudança encerrará um ciclo de 30 anos seguidos em que o Grande Prêmio do Brasil ocorre no Autódromo José Carlos Pace, em São Paulo, popularmente conhecido como Autódromo de Interlagos. "São Paulo, como havia participação pública e uma dívida enorme, tornou-se inviável a permanência da Fórmula 1 lá. Então, vieram para o Rio de Janeiro e a construção será concluída em 6 ou 7 meses após o início das obras", disse Bolsonaro.

O presidente ainda esclareceu que o investimento será "totalmente de iniciativa privada, com custo zero aos cofres públicos".

Com informações da Agência Brasil
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora