Estados Unidos receberam 2,1 milhões de brasileiros em 2019

|

Disney
Orlando, famosa pelos parques temáticos, foi a cidade mais visitada por brasileiros
Orlando, famosa pelos parques temáticos, foi a cidade mais visitada por brasileiros
Em 2019, os Estados Unidos receberam 2,105 milhões de brasileiros, uma queda de 5% em relação a 2018. Entre eles, 86,8% visitaram o país a lazer ou para encontrar familiares e amigos, enquanto 14,8% foram a trabalho. A porcentagem excede os 100% porque alguns viajantes combinaram os dois elementos em suas visitas. Quando perguntados sobre o principal motivo da viagem aos EUA, 70,9% dos brasileiros afirmaram ser viagens de lazer e férias.

Entre os destinos mais visitados por viajantes do Brasil, os destinos da Flórida despontam com 58,12% dos visitantes, sendo que 40,88% foram a Orlando e 26,97% para Miami, com alguns visitando ambas cidades. Fora da Flórida, os Estados mais visitados não Nova Iorque (22,52%) e Califórnia (9,16%). O número de visitantes na Flórida e Califórnia aumentaram em comparação a 2018, enquanto de Nova York reduziu.

Os dados são do Escritório Nacional de Viagens e Turismo (NTTO) dos Estados Unidos, que divulgou relatório com dados dos estados, cidades e regiões do país visitados por viajantes estrangeiros em 2019. O documento inclui perfis de visitantes estrangeiros que contêm características da Pesquisa de Respostas de Passageiros da International Air Travellers. Os perfis incluem segmentações por continentes (nove) e países (25 principais) de origem.

Enquanto os dados de chegadas ao exterior de 2019 dos registros do Departamento de Segurança Interna dos EUA I-94 totalizaram 40,393 milhões de visitantes, marcando um aumento de 1,3% em relação ao ano anterior, a visitação total as 11 regiões dos EUA diminuiu ligeiramente em 1,2%.

As estimativas de gastos totalizaram US$ 211,4 bilhões, um pouco abaixo de 2018. As estimativas revisadas serão divulgadas em breve. As estimativas de gastos por país e por região são incluídas, quando disponíveis, nos perfis. Por exemplo, o perfil do Brasil mostra que os gastos com viagens totais (todas as finalidades) e tarifas de passageiros em transportadoras americanas foram estimados em US$ 11,3 bilhões.

Confira estes dados sobre os visitantes brasileiros e mais no relatório completo da NTTO.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA