Sonho de Natal, em Canela, alcança 4,7 mi visualizações

|


Divulgação
A realidade de pandemia fez com que o evento fosse realizado de maneira virtual
A realidade de pandemia fez com que o evento fosse realizado de maneira virtual
Com 80 dias ininterruptos de atividades, o 33° Sonho de Natal Canela, na Serra Gaúcha, foi encerrado no último domingo (10). Realizada desta vez em formato digital, como forma de prevenção contra a pandemia do coronavírus, a atração foi exibida pelas redes sociais da Secretaria de Turismo e Cultura de Canela, alcançando 4,7 milhões de pessoas (em visualizações únicas) em 232 transmissões.

Foram transmitidos espetáculos como A Fábrica de Sonhos, Vida, Louvores do Sonho, Acordes do Sonho Live, Reconstruindo Esperança, Christmas in Concert e O Som do Vento. Os shows tiveram como cenários o largo e o interior da Catedral de Pedra, o Parque do Caracol e o Gazebo Cultural.

Para o secretário de Turismo e Cultura, Ângelo Sanches, a quantidade de visualizações é um sinal de aprovação para o formato. O secretário cita ainda uma estimativa mundial que diz que cada transmissão atinge em média 2,7 pessoas. Dessa maneira, as pessoas alcançadas seriam cerca de 12 milhões.

“Quando iríamos atingir esse público se as atrações tivessem sido presenciais? Claro que não vemos a hora de voltarmos à normalidade, mas agora sabemos que podemos nos reinventar e levar as nossas atrações, os nossos eventos, os nossos artistas mundo afora pelas redes sociais”, avalia Sanches.

O secretário anunciou também que a próxima edição do Sonho de Natal será iniciada em 22 de outubro e dura até 9 de janeiro de 2022. “Muitas novidades vêm por aí”, afirma.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA