Secretários discutem projetos de Cultura e Turismo para Salvador

|


Divulgação/Tatiana Azeviche
Estado e prefeitura discutiram ações para retomada da atividade pelo setor turístico
Estado e prefeitura discutiram ações para retomada da atividade pelo setor turístico
A fim de alinhar ações das esferas estadual e municipal voltadas para a promoção da Cultura e do Turismo em Salvador, o secretário de Turismo da Bahia, Maurício Bacelar recebeu, na última sexta-feira (18), a secretária estadual da Cultura, Arany Santana, e o secretário da capital baiana nestes segmentos, Fábio Mota.

Além de questões voltadas à governança do Centro Histórico, a exemplo de segurança, outros temas foram discutidos, como a parceria entre Estado e prefeitura em ações de promoção em importantes mercados emissores de turistas para a Bahia, parceria com embaixadas e a prospecção de voos, visando à retomada da atividade pelo setor turístico - um dos mais afetados durante a pandemia da covid-19.

Como desdobramento, uma nova reunião será realizada para apresentação de projetos da Prefeitura de Salvador que poderão contar com o apoio da Secretaria de Turismo da Bahia. “Esse encontro é parte de uma série de reuniões que tenho promovido para ouvir as demandas de atores do turismo baiano”, explica Bacelar, que já esteve com lideranças do trade turístico, blocos afros, Sebrae e Fecomércio, dentre outros.

Para Fábio Mota, o alinhamento proposto por Maurício “é muito importante, e vai permitir que a gente possa parametrizar todas as nossas políticas de Cultura e de Turismo e transformá-las em uma única política, em benefício do estado e do município”.

Divulgação/Tatiana Azeviche
Uma das pautas do encontro foi o Centro Histórico de Salvador, importante cartão-postal
Uma das pautas do encontro foi o Centro Histórico de Salvador, importante cartão-postal
Já em relação ao Centro Histórico, Maurício Bacelar e Arany Santana planejam uma reunião com a Secretaria de Segurança Pública, a fim de aumentar a sensação de bem-estar de baianos e visitantes naquele que é um dos mais significativos cartões-postais da Bahia.

“Nesse encontro promovido pelo secretário de Turismo, a gente percebe o grau de sensibilidade, as preocupações, a empatia e o interesse de que o Pelourinho realmente galgue o lugar que ele bem merece do ponto de vista da memória e da história da Bahia”, destacou Arany.

Na tarde de sexta-feira, a agenda seguiu, na sede do Serviço de Atendimento ao Turista (SAT) do Terreiro de Jesus, com a Associação de Empresários do Pelourinho e Sindicato dos Guias de Turismo. Para os próximos dias estão programadas conversas também com o Conselho Estadual de Turismo, Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos, companhias aéreas e operadoras.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA