Rio Grande do Norte é o 1º Estado a expor na ILTM Latin America

|


PANROTAS / Emerson Souza
Bruno Giovanni, presidente do Emprotur
Bruno Giovanni, presidente do Emprotur

O Rio Grande do Norte é o primeiro Estado a expor seu produto na história de dez anos de ILTM Latin America (contando o tempo de Travel Week). Pipa e São Miguel do Gostoso, os maiores queridinhos dos viajantes de luxo brasileiros e estrangeiros no Estado, são os principais destaques pelos potiguares na feira, além de Galinhos e, claro, Natal.

Muito comemorada pela organização da feira, a iniciativa do presidente do Emprotur, Bruno Giovanni, serve para mostrar aos agentes de viagens de luxo, sobretudo latinos, a oferta crescente do Rio Grande do Norte para viajantes que buscam experiências de alto padrão no Nordeste brasileiro.

"A estratégia do Emprotur é composta por várias frentes. Turismo religioso, LGBT, Sol & Praia, Eventos e outros. O Luxo também é uma delas, e tem potencial para representar ao menos 20% do nosso receptivo no Rio Grande do Norte", explica Bruno Giovanni.

"A participação na ILTM é uma das linhas principais na estratégia do luxo. Temos Pipa e Gostoso, destinos bem instagramáveis e com uma maior oferta hoteleira sofisticada. As experiências mais autênticas e locais podem ser encontradas no Estado, como a coleta e degustação de ostras em Galinhos, além de uma oferta considerável na capital", completa o presidente do Emprotur.

PANROTAS / Emerson Souza
Tatiana Gomes da Costa, Bianca Dias e Heloisa Faria Ribeiro no espaço do Turismo do Rio Grande do Norte na ILTM Latin America
Tatiana Gomes da Costa, Bianca Dias e Heloisa Faria Ribeiro no espaço do Turismo do Rio Grande do Norte na ILTM Latin America
Dois dos expoentes são os recém-abertos Île de Pipa MGallery, da Accor, e Filha da Lua Ecolodge, da rede que abrirá em breve o Filho do Vento e o Sempre Vivo, promovendo experiências distintas voltadas ao bem-estar do hóspede.

Bruno Giovanni conta que a direção da ILTM Latin America organizou sua agenda de reuniões de maneira que 80% de seus encontros serão com buyers de fora do Brasil. "Uruguaios, colombianos, peruanos e argentinos se interessam cada vez mais pela oferta potiguar de luxo. Perguntam muito sobre o Réveillon e a oferta de natureza", conta ele.

"Foi com felicidade e ao mesmo tempo surpresa que soube que essa é a estreia de um Estado brasileiro. Eles têm de estar aqui. É um investimento de retorno certo e estamos cogitando a participação em edições internacionais, como Cannes", conclui o presidente do Turismo do Rio Grande do Norte
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA