ECONOMIA E POLÍTICA

Comércio brasileiro chega a 8º mês seguido de alta; veja números

Pixabay

Se depender dos indicadores econômicos do Serasa Experian, que analisa uma amostra de 6 mil empresas nacionais, o Brasil está cada vez mais longe da crise. O mês de agosto encerrou, por exemplo, com alta de 7,9% no indicador Atividade do Comércio na comparação com o mesmo mês de 2017, revelou hoje o Serasa.

Trata-se do oitavo mês seguido de 2018 com melhora nos resultados em comparações com os mesmos meses do ano passado - em julho a alta foi de 7,8%, e em junho, 6,6%. No acumulado do ano, o crescimento é de 6,7%.

Em destaque aparecem altas no segmento Móveis, Eletrodomésticos e Informática (+13,6%), Veículos, Motos e Peças (+10,8%) e Combustíveis e Lubrificantes (5,3%).

Em queda figuram as categorias Super Mercados, Hipermercados, Alimentos e Bebidas (-2,6%), Tecidos, Vestuário, Calçados e Acessórios (-1,9%) e ainda Material de Construção (-5,3%).
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA