ECONOMIA E POLÍTICA

Lummertz defende abertura econômica para o Turismo crescer

Emerson Souza
De discurso ácido, o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, subiu ao palco dada 46ª Abav Expo e 50º Encontro Comercial Braztoa para defender a chegada de mais investimentos no Brasil.

Em suas palavras, a riqueza patrimonial do País é digna de todos os louros, mas a incapacidade em desenvolver é uma barreira para o crescimento. “Nós nos imolamos e nos sabotamos. Essa lógica virou uma dependência e temos que cortar essa dependência de forma drástica”, afirmou.

Em outras palavras, Lummertz defende a entrada de mais capital e o corte de impostos em parques temáticos e naturais, assim como sugere mais investimentos na indústria de cruzeiros marítimos e fluviais. Ele comparou, por exemplo, os recursos em Turismo de US$ 170 bilhões da China e US$ 200 bilhões nos Estados Unidos.

“Nós precisamos merecer [a posição de liderança] e para merecer temos que crescer”, finalizou.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA