ECONOMIA E POLÍTICA

MTur e Meio Ambiente se unem em prol do Turismo de Aventura

Flickr/Lucas Flavio
Chapada dos Veadeiros, Goiás
Chapada dos Veadeiros, Goiás
Às vésperas da abertura da 19ª Adventure Sports Fair, em São Paulo, os ministérios do Turismo, com Vinicius Lummertz, e do Meio Ambiente, com Edson Duarte, anunciaram a assinatura de portaria que cria a Rede Nacional de Trilhas de Longo Curso. Ao lado do presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Paulo Henrique Carneiro, os líderes das pastas oficializaram a iniciativa, que visa conectar 18 mil quilômetros em trilhas e atrair dois milhões de pessoas por ano.

Segundo as entidades, a Rede Trilhas será composta por trilhas nacionalmente conhecidas, “conectando paisagens e ecossistemas brasileiros e abrindo novas possibilidades de Turismo e recreação em contato com a natureza”. Da parte do MTur, o objetivo é organizar, integrar e dar visibilidade à oferta turística nacional.

Para o Ministério do Meio Ambiente, o trunfo da ação é interligar unidades de conservação, paisagens e ecossistemas naturais. “A medida também tem o intuito de reconhecer e proteger rotas pedestres de interesse natural, histórico e cultural, além de sensibilizar a sociedade para a importância do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (Snuc)”, como afirma a pasta em nota.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA