Confira dicas para profissionalizar a gestão de sua empresa | Economia e Política | PANROTAS
ECONOMIA E POLÍTICA

Confira dicas para profissionalizar a gestão de sua empresa

Divulgação
O diretor-sócio da Planning Corporate Finance & Advisory, Claudio Gonçalves, dá dicas de como profissionalizar a gestão de sua empresa
O diretor-sócio da Planning Corporate Finance & Advisory, Claudio Gonçalves, dá dicas de como profissionalizar a gestão de sua empresa

Mudar para acompanhar as transformações do mercado de Turismo é preciso. Empresários que mantêm modelos de negócios que por muito tempo deram certo, mas que não acompanharam a modernização da indústria, necessitam profissionalizar a gestão de sua empresa.

Tomar decisões e resolver problemas pensando no todo, e não isoladamente, são alguns dos caminhos aconselhados pelo diretor-sócio da Planning Corporate Finance & Advisory, Cláudio Gonçalves, em seu artigo "Para reagir os ventos as mudanças no setor – choque de gestão profissional".

Em sua visão, essa falta de atualização na nossa indústria pode custar caro, levando empresas até a declarar falência caso medidas não sejam tomadas.

Confira abaixo o artigo do economista, com dicas de como profissionalizar sua gestão e garantir a saúde financeira e futuro de sua empresa:

"O mercado de Turismo passa por profundas transformações. Os empresários que não reagirem rapidamente às mudanças, correm o risco de passar pelo doloroso e caro processo de falência. Fazer pequenas mudanças, são mero paliativo, não resolvem os problemas, pelo contrário, potencializam os existentes e podem criar outros.

As transformações no setor são impulsionadas por movimentos externos às empresas como aumento da concorrência, mudanças tecnológicas e mudanças no modelo de negociação com os fornecedores, que resultam em queda nas margens de ganhos. As mudanças vieram pra ficar. Não existe volta. Quem se preparar aumenta as chances de sobreviver.

Internamente, as empresas precisam reagir às mudanças mudando seus modelos de gestão, deixando de lado a gestão familiar, caseira, onde as decisões são tomadas sem planejamento, com base no feeling ou emoção, para gestão profissional.


Os problemas precisam ser pensados como um todo, não em partes, com decisões isoladas. Tratar os problemas de forma isolada, sem pensar o conjunto, geram outros problemas, na maioria das vezes, maiores que os anteriores. A fraca gestão do capital de giro é um exemplo de problema, que para ser resolvido, envolve atuar em várias frentes.

Além das mudanças externas, o setor passa por processo de consolidação, o que exige dos empresários atenção redobrada e adoção de boas práticas de governança, sem as quais, pode perder o bonde das oportunidades que vem com a consolidação, ou seja, deixar de fazer um bom negócio com a empresa e garantir uma boa aposentadoria.

Investir em melhoria na qualidade da gestão das empresas é fundamental, especialmente na contabilidade e financeiro pois o valor de uma empresa é atribuído por aquilo que se consegue provar através da análise dos números, não por aquilo que está na cabeça do acionista controlador."


Claudio Gonçalves, diretor-sócio da Planning Corporate Finance & Advisory
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA