Ministros e prefeitos assinam contratos do Prodetur +Turismo

|


Gustavo Messina/ MTur
Atual e futuro ministro do Turismo, Vinicius Lummertz e Marcelo Álvaro Antônio, respectivamente, com o prefeito de Gaspar (SC), Kleber Wan-Dall, durante assinatura de contrato
Atual e futuro ministro do Turismo, Vinicius Lummertz e Marcelo Álvaro Antônio, respectivamente, com o prefeito de Gaspar (SC), Kleber Wan-Dall, durante assinatura de contrato
Foram assinados na tarde de ontem (18), em Brasília, os primeiros contratos de financiamento do Prodetur + Turismo, iniciativa de acesso ao crédito para o fomento e estruturação do setor de Turismo no Brasil. A cerimônia formalizou o repasse de recursos do programa para os municípios de Gaspar (SC) e Canela (RS), que receberam o Selo Oficial +Turismo. O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, recebeu como convidado o próximo titular da pasta, Marcelo Álvaro Antônio, que assinou os documentos como testemunha.

“É muito importante contar com a presença do Marcelo neste momento de comemoração, pois o programa soluciona o problema da falta de recursos para financiamento dos projetos dos municípios e empresas do setor. São recursos que complementam o orçamento restrito do MTur”, disse Lummertz.

Após reunião de transição no ministério, o futuro ministro participou da cerimônia, em gabinete, e falou da importância de iniciativas como o Prodetur + Turismo para resolver os gargalos de infraestrutura do Turismo “de forma inteligente”.

O programa foi lançado pelo MTur em abril deste ano e hoje possui uma carteira de 115 projetos em análise, que somam R$ 4,23 bilhões, valor bem próximo ao teto de R$ 5 bilhões previstos inicialmente pelo BNDES.

Gustavo Messina/ MTur
Jeanett Lontra, Vinicius Lummertz e Marcelo Álvaro Antônio com o prefeito de Canela (RS), Constantino Orsolin
Jeanett Lontra, Vinicius Lummertz e Marcelo Álvaro Antônio com o prefeito de Canela (RS), Constantino Orsolin

CONTRATOS

Os prefeitos dos municípios de Gaspar, Kleber Wan-Dall, e de Canela, Constantino Orsolin, falaram do impacto positivo do financiamento para o desenvolvimento do turismo nas duas cidades. “Com esse recurso vamos ampliar as opções de lazer e melhorar a infraestrutura turística municipal”, disse o prefeito Wan-Dall, cujo contrato assinado é de R$ 60 milhões.

Em Canela, o contrato contempla obras de pavimentação e drenagem em vários pontos da cidade e sinalização turística urbana e rural, no valor de R$ 48 milhões. “O Prodetur + Turismo é um programa que, de fato, ajuda a mudar o País”, comentou Orsolin.

Estiveram presentes também durante o evento representantes do BNDES, principal financiador do programa governamental, que também conta com recursos do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), e do Badesul Desenvolvimento, que assinou contrato com a Prefeitura de Canela. “O Prodetur + Turismo deu tão certo que criamos uma linha com recursos próprios para atender aos municípios gaúchos”, disse Jeanett Lontra, diretora presidente do Badesul.

Além disso, compareceram os secretários de Estruturação do Turismo, Antônio Parente, e de Qualificação e Promoção do Turismo, Bob Santos, e seus respectivos assessores diretos, além de parlamentares. O programa é operacionalizado pela Coordenação Geral de Planejamento Territorial, do Departamento de Ordenamento do Turismo do MTur.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA