ECONOMIA E POLÍTICA

Turismo responde por 8,1% do PIB Brasil; veja dados globais


Divulgação
O setor global de Viagens e Turismo cresceu 3,9% ao contribuir com uma cifra recorde de US$ 8,8 bilhões e gerar 319 milhões de postos de emprego em todo mundo em 2018. Pelo oitavo ano consecutivo, este resultado foi superior à taxa de crescimento do PIB mundial, de 3,2%. Dados são do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, na sigla em inglês), ao lado da Oxford Economics.


TURISMO NO BRASIL EM 2018

*Contribuição do Turismo ao PIB de US$ 152,5 bilhões (8,1%)

*PIB Turístico cresceu 3,1%, uma das mais elevadas altas na América do Sul, o dobro da economia brasileira

*O forte crescimento em gasto internacional é respaldado pelo novo visto eletrônico oferecido a Estados Unidos, Canadá, Austrália e Japão

*6,9 milhões de empregos (7,5% do total de trabalhos gerados no Brasil)

*US$ 6,2 bilhões aportados em 2018 pelos gastos de estrangeiros, 12,8% de alta contra 2017

*Lazer 88% e negócios 12%

*Principais mercados internacionais 2015-2017: Argentina (36%), Estados Unidos (8%), Chile (5%), Paraguai (5%) e Uruguai (5%)
Fonte: WTTC

"O Brasil ocupa posições de liderança global na contribuição do Turismo para a economia, sendo aportação do setor para o PIB nacional de 8,1%, gerando 7,5% dos empregos do País", afirmou a presidente e CEO do WTTC, Gloria Guevara.

TURISMO MUNDIAL EM 2018

*US$ 8,8 trilhões injetados na economia
*3,9% de crescimento contra 3,2% do PIB global
*10,4% das atividades globais
*319 milhões de empregos, um a cada dez praças laborais
*Um em cada cinco novos empregos gerados nos últimos cinco anos
*Segundo setor de maior crescimento, atrás apenas de manufaturas (+4%), mas à frente de importantes segmentos como Cuidados de Saúde (+3,1%), Tecnologias da Informação (+1,7%) e Serviços Financeiros (+1,7%)
*Aumento na participação com gastos de lazer para 78,5% (acima dos 77,5% em 2017), o que significa que 21,5% foram das viagens corporativas e negócios
*Aumento de gastos de turistas internacionais a 28,8%, frente a 27,3% em 2017. *Isso siginfica que 71,2% provêm dos gastos em viagens domésticas

"2018 foi mais um ano de forte crescimento para o setor, o que reforça sua lista de impulsor de crescimento econômico e criação de empregos. Pelo oitavo ano consecutivo, nosso setor superou a expansão na economia global mais ampla, e registramos o segundo maior crescimento de qualquer setor do mundo", celebrou Gloria Guevara. "As cifras mostram o poder da nossa indústria como ferramenta para que os governos gerem prosperidade ao mesmo tem em que criam praças e apoiam especialmente às mulheres, os jovens e outros grupos da sociedade muitas vezes marginalizados."
Fonte: WTTC

Nos dias 3 e 4 de abril, o WTTC realizará, em Sevilha, na Espanha, sua reunião anual. Com cobertura da PANROTAS, media partner da organização, o evento terá foco na temática de Changemakers, na qual empresários, ministros de Turismo, acadêmicos e profissionais da indústria explorarão diversos temas para discutir a visão do setor.

*Alterada em 8/03: no mundo foram injetados US$ 8,8 trilhões pelo Turismo, e não milhões
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA