Localiza lançará alternativa à ponte aérea para encarar crise

|


Divulgação
Elvio Lupo Neto, diretor executivo da Localiza Hertz, participou do Check Point da semana, live do Portal PANROTAS em parceria com a Imaginadora e a R1
Elvio Lupo Neto, diretor executivo da Localiza Hertz, participou do Check Point da semana, live do Portal PANROTAS em parceria com a Imaginadora e a R1
A Localiza Hertz prepara um produto para acelerar sua retomada quando a economia reaquecer. Ainda não divulgada oficialmente, a nova linha da maior locadora de veículos do Brasil será uma espécie de "ponte rodoviária" para concorrer com as pontes aéreas.

"Classificamos os trechos que têm e terão as maiores demandas pós-pandemia, trechos classificados como ponte aérea, e vamos dar uma alternativa rodoviária. São viagens em que o cliente já sabe a rota e como alternativa oferecemos pacotes com preços pré-determinado e todas as vantagens Localiza Hertz já incluídas, como a segurança de um carro higienizado", afirma o diretor executivo da empresa, Élvio Lupo Neto, que participou da Check Point, live do Portal PANROTAS em parceria com a Imaginadora e a R1, nesta semana.

"Acreditamos que haverá muitos consumidores que confiarão mais no ambiente restrito de um carro do que nos ambientes de transportes coletivos", completa o executivo. Segundo ele, o produto está prestes a sair do forno e será "de fácil comunicação e venda por parte dos agentes de viagens".

Élvio Lupo Neto acredita que conforme a economia retoma, o lazer deve despontar um pouco antes do corporativo, mas "as pessoas não deixarão de viajar a trabalho, pois precisarão sempre de contato direto. Sabemos que a virtualização tem permitido contornar tudo isso, mas ainda haverá valor enorme em poder receber parceiros, clientes e fornecedores e construir laços". O diretor executivo também acredita que as locadoras terão papel fundamental ao passo em que o doméstico, com as escapadas e viagens de curta distância, deve conduzir a retomada no Turismo.

O executivo também revela que a Localiza Hertz teve aproximadamente 30% de queda na frota alugada e, desde o meio de março, um a cada três clientes devolveram os veículos como medida cautelar para enfrentar a pandemia. Ele ressalta que dobrou o tempo e o cuidado com a limpeza de seus veículos e que o Localiza Fast, ganha ainda mais importância no pós-pandemia.

Por fim, dispara quatro tendências que a líder do segmento no País traça a partir da pandemia. Confira:
1. DIGITALIZAÇÃO
Se você é um agente de viagens, invista na sua solução digital, automática e simples. A consultoria humana será importante, mas o meio que ela será entregue tende a ser cada vez mais digital e individualizado.

2. VELOCIDADE DE ADAPTAÇÃO
Sintonize-se o máximo que puder com seu cliente. Estamos em transformação, e o agente de viagens tem de entender o que se passa com o viajante. Se o doméstico vai começar antes, construa soluções que atendam isso. Quando o internacional demandar, então procure os melhores produtos para o momento.
pacotes de preços fixos para estas viagens.

3. SEGURANÇA, HIGIENE E SAÚDE
São pilares e não meros detalhes em sua empresa, desde o cuidado com o colaborador até com o cliente.

4. ATENÇÃO AO FINANCEIRO
Tenha o máximo de cuidado com suas despesas nesse momento. Corte o que puder cortar. Revise cada gasto de sua empresa. Ao mesmo tempo, para uma retomada mais enérgica, busque novas fontes de receita.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA