Forma Turismo estuda abertura de capital na Bolsa

|

Os primeiros dois meses de 2018 deram um indício de como a Forma Turismo irá se comportar nos próximos anos. Após lançar o produto para Dubai para estudantes e reestruturar sua diretoria, a empresa especializada em jovens e com operações recordes em Porto Seguro (BA) pretende dar passos ainda mais altos.

A operadora pretende abrir capital na Bolsa de Valores em um breve futuro, como apontaram os sócios-diretores Maurício Calasans e Renato Costa. Esse plano é tratado com muito cuidado pela Forma e, inclusive, a criação de um conselho executivo e a promoção de executivos aos cargos antes ocupados pelos sócios mostram a gana de se tornar uma empresa maior do que é hoje.

Jhonatan Soares
Maurício Calasans e Renato Costa, sócios-fundadores da Forma Turismo
Maurício Calasans e Renato Costa, sócios-fundadores da Forma Turismo
“Temos essa meta, sim, mas é preciso estudar antes. É necessário ter governança corporativa, coisa que não sabemos hoje. Se a CVC sofreu [com a abertura de capital], imagine a gente. Dentro de três anos isso deve acontecer”, afirmou Costa ao Portal PANROTAS.

Esse interesse vem acompanhado da intenção de desmentir qualquer rumor referente à venda da Forma, conversa que surgiu há poucos anos. Com a nova diretoria, Calasans crê que a transição dos negócios vai fazer que "uma grande empresa seja uma empresa grande”.

“Digamos que fomos paquerados por uma empresa uma vez. Mas nunca, enquanto eu estiver aqui, vou vender a Forma. Não seria justo com nossos funcionários, que são mais de 200 só em São Paulo”, afirmou ele.

ONDE JAMAIS CHEGOU
Com 29 lojas em território nacional, a Forma se diz consolidada em regiões como Sul e Sudeste. O mercado de São Paulo é de longe o maior da empresa que surgiu no Tatuapé, na zona leste da capital. Na sequência figuram Belo Horizonte na segunda colocação e Porto Alegre e Rio de Janeiro dividem o terceiro lugar.

Para crescer em outras praças, os planos de abrir novas unidades são mais concretos e acontecerão em breve. Até dezembro, a operadora irá inaugurar mais oito lojas próprias com ênfase no Norte e Nordeste. São elas: Belém, São Luís, Fortaleza, Natal, possivelmente Teresina e mais uma cidade que irá surgir nos próximos meses, além de Vitória, essa no Sudeste.

Em 2017, a Forma embarcou 70 mil passageiros em viagens estudantis para o Brasil e o mundo. Até dezembro deste ano, a companhia pretendetransportar 100 mil jovens, meta que era pretendida apenas para 2020.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA