PESQUISAS E ESTATÍSTICAS

Quase metade dos brasileiros planeja carnaval na última hora

De acordo com pesquisa realizada pelo Skyscanner, quase metade dos viajantes brasileiros deixa para planejar a viagem de carnaval “na última hora”. Segundo o levantamento do metabuscador, 42% dos seus usuários decidem sobre destinos, passagens aéreas e hospedagens com menos de 30 dias para o feriado mais esperado do primeiro semestre.

A pesquisa ainda fez uma série de perguntas para entender algumas peculiaridades sobre os turistas do País nesta época do ano. Uma delas revelou que 33% das pessoas buscam o agito de blocos de rua e desfiles de escolas de samba durante o carnaval, enquanto 53% querem descansar em destinos que permitam o contato com a natureza.

Outra curiosidade é que 27% dos viajantes citaram tablets ou notebooks como itens indispensáveis na hora de fazer a mala. De acordo com eles, o objetivo é assistir a filmes ou séries por serviços de streaming. Com 24% da preferência, os livros apareceram na sequência, logo à frente fantasias carnavalescas (23%), “kits anti-ressaca” (21%) e playlist de marchinhas (5%).

Entre os fatores que pesam na decisão de uma viagem, o preço foi considerado o mais importante por 53% dos entrevistados. De acordo com 27% deles, a expectativa é de gastar menos que R$ 800 durante o período. Sobre os tipos de hospedagens buscados, hotéis tradicionais ainda são os mais procurados com 27% da preferência, seguido por casas de família ou amigos, com 25%.

DESTINOS MAIS BUSCADOS
O Skyscanner também levantou os destinos que estão sendo mais pesquisados para o período. A cidade de São Paulo aparece em primeiro lugar, seguida de Rio de Janeiro, Brasília, Fortaleza, Recife, Salvador, Porto Alegre, Buenos Aires (Argentina), Belo Horizonte e Santiago (Chile). Em comparação com o ano anterior, a capital paulista subiu três posições.

O relatório também revelou os dez destinos mais baratos para viajar no feriado em 2019 com preços de voos abaixo dos R$ 700, ida e volta. Curitiba, Brasília, Goiânia, Londrina, Porto Alegre, Belo Horizonte, Campo Grande, Cuiabá, Uberlândia (MG) e Joinville (SC) apareceram como as opções mais acessíveis.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA