PESQUISAS E ESTATÍSTICAS

Brasileiros devem gastar até R$ 5 mil nas viagens de inverno


Gramado Inesquecível
Serra Gaúcha é um dos destinos nacionais preferidos
Serra Gaúcha é um dos destinos nacionais preferidos
Nas férias de inverno, 67% dos brasileiros pretendem gastar entre R$ 1 mil e R$ 5 mil, segundo estudo da Booking com cerca de mil entrevistados nas cinco regiões do País. Uma parcela menor (21%) tem teto de gastos mais baixo, de no máximo R$ 1 mil, e 12% disseram que sua viagem deve ficar entre R$ 5 mil e R$ 10 mil.

A pesquisa considera o período de 21 de junho a 21 de setembro, incluindo também o período de férias escolares do meio do ano. Dos brasileiros que irão viajar nesse período, 46% costumam fazer essas viagens a dois e 36% com a família.

DESTINOS NACIONAIS
As cidades brasileiras com "cara de Europa" se destacam na temporada. Para 63%, os destinos mais atraentes nesse período são as Serras Gaúchas e Catarinense, seguidas de perto pelas cidades serranas do Sudeste (55%), como Campos do Jordão (SP), Monte Verde (MG) e Petrópolis (RJ).

Mesmo assim, o Nordeste brasileiro consegue manter sua relevância para o brasileiro nestes meses mais frios: 40% disseram que as praias da região são o destino favorito para as férias de inverno. Outro destino que está no imaginário dos turistas nessa época são as chapadas e cidades do Centro-Oeste (37%), como Caldas Novas, Pirenópolis e Cidade de Goiás.

DESTINOS INTERNACIONAIS

Considerando viagens para o Exterior, o destino que mais atrai o brasileiro para as férias do meio do ano é a Europa (75%), seguida pela América do Norte (40%) e América Latina (36%). Em relação apenas aos países latino-americanos, onde o inverno é mais característico que no Brasil, os destinos prediletos dos brasileiros são Chile (32%) e Argentina (30%). O próximo da lista é o Peru, com 11% da preferência.

Uma das principais razões é a força do real frente às moedas locais, com oito em cada dez respondentes (81%) afirmando que o câmbio valorizado ajuda o Turismo para a América Latina. No caso da Argentina, país visto como cosmopolita e com boa infraestrutura, as atividades preferidas são visitar a capital, Buenos Aires (31%) e esquiar em Bariloche (30%).

Já no Chile, o brasileiro gosta do fato de o país oferecer possibilidades contrastantes, como visitar as paisagens do Deserto do Atacama (28%) e esquiar no Valle Nevado (21%).
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA