Pesquisa aponta crescimento do Turismo após 12 semanas de queda

|

Shutterstock
Estima-se que o crescimento médio de 4% por semana seja decorrente de medidas econômicas adotadas pela Europa e Ásia
Estima-se que o crescimento médio de 4% por semana seja decorrente de medidas econômicas adotadas pela Europa e Ásia
O setor de Turismo, que estava em retração constante desde o começo da pandemia do novo coronavírus, voltou a crescer a partir de junho. O crescimento médio de 4% por semana em volume processado pode ser decorrente de medidas econômicas de países da Europa e parte da Ásia, como a reabertura de fronteiras e comércio a partir desse período. Os dados são da Adyen, processadora de pagamentos de empresas como Booking.com, Azul Linhas Aéreas e BlaBlaCar.

Os números indicam que as transações processadas para o Turismo, que chegaram a atingir pico de crescimento de 20% em janeiro, começaram a cair na última semana de fevereiro. Entre fevereiro e o início de abril, foram seis semanas seguidas de retração, atingindo 90% de redução no volume processado em comparação ao começo do ano.

Essa taxa se manteve por mais seis semanas até o meio de maio e voltou a crescer com mais força em junho. Na segunda semana de julho, quando o estudo encerrou a análise, o setor já registrava uma retração de pouco mais de 50% em relação ao começo do ano - 40% menor que a de abril.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA