Movida

Felipe Niemeyer   |   23/08/2010 22:25

Trade do Rio conhece mais sobre Tam na Star Alliance

A Star Alliance e a Tam promoveram hoje, no Windsor Guanabara, no centro do Rio de janeiro, um coquetel para cerca de 150 representantes do trade carioca.

PANROTAS / Emerson Souza
Robson Gaglianone, gerente de Vendas da Tam para RJ e ES, e José Roberto, gerente de Vendas Internacionais da Tam
Robson Gaglianone, gerente de Vendas da Tam para RJ e ES, e José Roberto, gerente de Vendas Internacionais da Tam
A Star Alliance e a Tam promoveram hoje, no Windsor Guanabara, no centro do Rio de janeiro, um coquetel para cerca de 150 representantes do trade carioca. O evento fez parte do road show em comemoração à entrada da companhia aérea brasileira na aliança global de aviação, que passará por 13 cidades, incluindo Buenos Aires, na Argentina, e Assunção, no Paraguai.

Na ocasião, o gerente de Vendas Internacionais da Tam, José Roberto, falou sobre os benefícios da entrada da Tam na Star Alliance tanto para agentes quanto para passageiros. “Completamos 90 dias de ingresso na aliança e a aceitação está sendo bastante positiva”, disse.

Segundo José Roberto, tanto a Tam quanto as companhias aéreas membros da Star Alliance já estão sentido o reflexo positivo da adesão da empresa brasileira na aliança. “Passageiros estão procurando mais as companhias parceiras devido os benefícios relacionados aos programas de milhagens agora integrados, e facilidades operacionais, como despacho de bagagens direto para o destino final no Brasil, por exemplo. “Muitas companhias internacionais também estão dando prosseguimento aos voos no Brasil com a Tam”, acrescentou.

O gerente destacou ainda o fato de os passageiros da Star Alliance agora contarem com o apoio das salas Vips da Tam nos aeroportos e vice-versa. “Os passageiros da Tam qualificados podem utilizar mais de 990 salas Vips de outras companhias no mundo. Só em Nova Yorque, por exemplo, são mais de duas a escolher”, afirmou.

Sobre a integração da Tam com a Lan, nos caso dos programas de milhagem e participação em uma aliança global, José Roberto diz que ainda é muito cedo para falar em qualquer mudança. “A Tam continua na Star Alliance”, disse. Vale destacar que a Lan pertence à aliança Oneworld.

Tópicos relacionados

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

Mais notícias