Ibope: Aeroporto do Recife é o melhor do Nordeste

|

PANROTAS / Emerson Souza
Apesar de ter sido mencionado pelos entrevistados, Natal não autorizou o Ibope a realizar a pesquisa (imagem reprodução)
Apesar de ter sido mencionado pelos entrevistados, Natal não autorizou o Ibope a realizar a pesquisa (imagem reprodução)
O Ibope Inteligência desenvolveu uma pesquisa para avaliar os aeroportos nordestinos. Citado por 57% dos entrevistados, o Aeroporto Internacional do Recife levou o título de melhor da região, seguido por Fortaleza (50%) e Salvador (43%), que venceu no questionário de mais conhecido. O estudo foi encomendado pela Fundação Comissão de Turismo Integrado do Nordeste (CTI-NE).

"A pesquisa faz parte das ações da CTI Nordeste para conhecer o perfil dos turistas e os serviços turísticos ofertados na região. Precisamos atuar com base em estudos e pesquisas para traçar os rumos do turismo no Nordeste", destaca a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Alagoas e Presidente da CTI-NE, Jeanine Pires.

De maneira geral, os aeroportos foram bem avaliados pelos usuários brasileiros que embarcaram ou desembarcaram em oito locais administrados pela Infraero nas seguintes capitais: Recife, São Luís, Teresina, Fortaleza, João Pessoa, Maceió, Aracaju e Salvador. Itens que analisaram a satisfação com o aspecto dos espaços, por exemplo, alcançaram notas superiores a oito. Entre eles, o primeiro do ranking foi a limpeza geral das instalações e o último ficou com a dificuldade em achar rede sem fio e conexões de internet.

PERFIL DO PÚBLICO
A pesquisa também coletou dados sobre o perfil dos turistas. Dos entrevistados, 75% eram turistas, 43% estavam viajando a negócios, 35% a turismo e lazer e 25% por outros motivos. Já o gasto médio diário dos que responderam à pesquisa foi de mil reais e a permanência média no destino durante a viagem foi de sete dias.

Em relação a hospedagem, a opção em ficar na casa de amigos e parentes foi escolhida por 42% dos entrevistados, seguido de 36% que preferem permanecer em hotéis. As viagens de avião foram apontadas como as mais frequentes. Cerca de 20% informou viajar pelo menos uma vez por ano de avião, 16% a cada seis meses e 13% pelo menos uma vez a cada três meses.

Quase metade dos entrevistados (49%) afirmou que não visitou ou não pretende visitar pontos turísticos das cidades pesquisadas, 48% disse o oposto. De acordo com Jeanine, essa perspectiva funcionada como um norte para oferecer opções de turismo e entretenimento aos visitantes a negócios e também àqueles que visitam amigos e parentes.

HUB DA LATAM
A pesquisa do Ibope não deixou a disputa pelo hub da Latam de lado. Para quem não sabe, ou não lembra, a Latam decidirá ainda este ano a instalação de um novo centro de distribuição de voos nacionais e internacionais no Nordeste (hub). O investimento está na casa dos R$ 4 bilhões, que irá gerar aproximadamente dez mil empregos diretos e indiretos na cidade escolhida. Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte estão concorrendo.

Das cidades que disputam o centro, a capital pernambucana ficou em primeiro lugar, com 45% da preferência dos entrevistados. Fortaleza em segundo, com 37%, e Natal com 11%. “O centro de distribuição vai mudar a história do turismo na região Nordeste e toda a região será beneficiada, independente da cidade escolhida pela empresa para sua instalação. Precisamos começar a mobilizar o Nordeste para elaborar um plano conjunto de promoção turística no mercado internacional para aproveitar essa oportunidade”, explicou Jeanine.

A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos sobre o total da amostra.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA