Nova charteira brasileira define primeiros destinos

|

Netto Moreira
O Airbus A310 da aérea, com capacidade para 225 pessoas nas classes econômica e executiva
A Whitejets, nova companhia aérea exclusivamente charteira 93% brasileira, inicia operações a partir do dia 12. Será para Varadero, em Cuba, partindo do Galeão, no Rio, e passando por Viracopos, em Campinas (SP), aos sábados.

Nas segundas-feiras, a partir do dia 14, começam operações entre Viracopos e Cancun, no México. A partir de 4 de julho, aos domingos, será realizada a rota Viracopos a Punta Cana, na República Dominicana. Todos os voos serão diretos.

No dia 6 de julho a empresa começa a operar a rota Viracopos a Montego Bay, na Jamaica. No final do ano a empresa espera estar operando voos charter para a Europa, especialmente Portugal, Espanha, França e Holanda, que são destinos charteiros. “Mas vamos seguir a demanda dos operadores, claro”, ressaltou o diretor geral da Whitejets, Roberto Coimbra.

A Whitejets começa operando com uma aeronave e já espera para outubro o segundo avião. A intenção é chegar ao final de 2011 com quatro aeronaves (todos modelos Airbus A320 e A310), realizando até quatro rotas por equipamento. A companhia vai apoiar as operações na estrutura da controladora, a Omni Taxi Aéreo, com oito bases no Brasil, e no know how de 20 anos da White Airlines (Portugal), como empresa charteira. Para captar clientes da região Sul, a Whitejets fez parceira com a Azul.

Leia mais sobre a empresa.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA