Webjet explica cancelamentos em comunicado; leia | Aeroportos | PANROTAS
AEROPORTOS

Webjet explica cancelamentos em comunicado; leia

Após cancelar mais de 50% dos voos de hoje até meio-dia, a Webjet emitiu um comunicado oficial para explicar o ocorrido. Segundo a companhia, os cancelamentos foram motivados por fatores como o crescimento da demanda de passageiros em setembro e o cumprimento da lei nº 7.183, que obrigou a aérea a reduzir o número de voos desta semana.

Leia abaixo o comunicado na íntegra.

“Em função da sua política de preços competitivos, a Webjet vem crescendo expressivamente nos últimos meses. Em virtude disso, tem contratado novos profissionais para atender essa alta da demanda. Neste momento, a título de exemplo, estão sendo treinados 64 novos co-pilotos e 85 comissários, que estarão em atividade a partir de outubro. Nos últimos três meses, portanto, foram incorporados 149 novos colaboradores à tripulação da Webjet.

O forte crescimento dessa demanda em setembro levou a empresa a remanejar passageiros por meio de contatos antecipados via call center. Vale destacar que 90% deles foram avisados previamente, evitando deslocamentos desnecessários até os aeroportos. Ainda assim, a companhia foi obrigada a reduzir o número de voos na última semana de setembro para cumprir a lei nº 7.183, que regula os limites de trabalho dos aeronautas.

A soma desses fatores provocou problemas localizados em alguns aeroportos nesta segunda-feira. Para solucionar essa situação cinco medidas estão sendo tomadas:

1ª) Reacomodação dos passageiros em voos da própria Webjet;
2ª) Reacomodação em voos de outras companhias aéreas;
3ª) Isenção total das taxas de remarcação normalmente aplicadas;
4ª) Reembolso das tarifas pagas pelas passagens;
5ª) Fretamento de aeronaves.

Todas essas medidas estão em conformidade com a Resolução 141 da Anac.”
Leia Também
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA