Turismo de Portugal investe 10 mi de euros em startups

|



O Turismo de Portugal anunciou seu apoio ao projeto Portugal Ventures, que acaba de incluir o Turismo em seu escopo. Com o programa “+Património +Turismo”, os dois órgãos querem estimular o aparecimento de startups e de novos negócios, de base local ou regional, associados ao Turismo e à valorização do patrimônio cultural e natural de Portugal.

Segundo o diretor do Turismo de Portugal no Brasil, Bernardo Cardoso, as candidaturas (das startups que serão apoiadas pelo projeto) vão até 31 de julho e devem ser feitas pelo portal da Portugal Ventures (http://www.portugalventures.pt/pt-pt/content/património-turismo-0).

O valor global previsto é de dez milhões de euros, e o “+Património +Turismo” vai analisar e avaliar as propostas dos candidatos e atribuir-lhes um financiamento máximo de 500 mil euros (pro startup). Os projetos podem ou não ser de base tecnológica, mas devem incluir a constituição de uma empresa nova ou aberta há menos de três anos.

Os projetos devem ter como foco a vertente turística do patrimônio cultural e natural de Portugal, “valorizando aspetos como a história, a arte, a arquitetura, o patrimônio religioso, o enoturismo e gastronomia, o esporte associado à natureza ou o geoturismo”. Outro objetivo é apoiar o desenvolvimento de produtos e serviços turísticos inovadores, em escala global, nacional ou regional.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA