Amigos homenageiam Paulus em jantar do Skal-SP

|


Emerson Souza
Paulus e a homenagem do Skal-SP
Paulus e a homenagem do Skal-SP
Um dos empresários mais bem sucedidos do País e não apenas da indústria de Viagens e Turismo, Guilherme Paulus coleciona prêmios, conquistas, marcas que estão no imaginário do brasileiro (como CVC e GJP), bens e negócios que o transformaram em um grande ícone. Mas foi o lado humano, que privilegia a família e os amigos, o relacionamento de igual para igual com funcionários e colaboradores, e a simplicidade de quem não se seduziu com tantas conquistas que foram a marca da homenagem que o Skal-SP prestou a ele nesta noite, durante jantar no hotel Prodigy Berrini, na capital paulista.

Amigos e parceiros de longa data, além da esposa, Luiza, com quem está casado desde 1974, relembraram histórias que destacaram esse lado pessoal, muito mais do que o empresário que transformou uma pequena agência em Santo André na maior operadora da América Latina e que já coleciona 20 hotéis na GJP. "É a família e os amigos que confiam em nós e que nos acompanham há anos que são nosso alicerce", disse Paulus, que ouviu, emocionado, depoimentos de Valter Patriani, Luiz Eduardo Falco, Claiton Armelin, Guillermo Alcorta, Roland de Bonadona, Joji Nakano, Elói e Oliveira e, em vídeo, Goiaci Guimarães e o homenageado do ano passado, Luiz da Gama Mór.

Patriani lembrou, por exemplo, da bronca que os dois levaram de Luiza Paulus, quando foram jogar fliperama depois do expediente, em um bar em Santo André. Até hoje não se sabe quem ganhou aquele disputa entre os dois amigos, que mudaram e revolucionaram o Turismo brasileiro.

"Admiro o Guilherme desde que o conheci. Sempre foi um excelente pai e um ótimo companheiro e hoje é uma alegria vê-lo ora se vestir de princesa, ora de príncipe para brincar com nossas duas netas", disse Luiza, que também destacou a correção do marido no trabalho e com os funcionários.

O pioneirismo que já transportou 30 milhões de passageiros, que fez a CVC ser a primeira operadora brasileira com ações na bolsa e que já empregou e formou milhares de pessoas rendeu boas histórias na noite da homenagem do Skal-SP e o bate papo informal, intermediado pelo editor-chefe da PANROTAS, Artur Luiz Andrade, e o presidente do clube, Aristides de la Plata Cury, poderia entrar noite adentro. Além de história, muitos ensinamentos.

Emerson Souza
Guilherme Paulus e Aristides de la Plata Cury, que ele conheceu na Vasp
Guilherme Paulus e Aristides de la Plata Cury, que ele conheceu na Vasp
Falco chegou a lembrar que o fato de a CVC vender ter fretado muitos aviões da Tam, que na época era empresa regional e não poderia voar tanto para cidades centrais, como as capitais, acabou criando um produto na empresa do comandante Rolim, onde o hoje presidente da CVC era vice-presidente de Vendas, em que as operadoras ganhavam uma parada grátis em cidades secundárias, para levar os turistas ao Nordeste e ao Sul do Brasil. "Graças à CVC, os hotéis se desenvolveram no Nordeste e no Sul. E hoje você está sabendo que aquele produto da Tam, aquela parada grátis, foi uma ideia que nasceu devido às suas vendas", disse Falco.

Paulus lembrou de histórias com Aristides na Vasp, com Mário Carvalho, um dos primeiros que acreditaram na CVC, com Guillermo Alcorta depois do fechamento da Soletur, quando começaram a surgir boatos sobre a operadora de Santo André, com Patriani, obviamente, e a impressão que todos tiveram é a de ver um homem sem máscaras, que Elói Oliveira chamou de empreenvededor, que muitos consideram um exemplo, mas que quem conhece de perto reconhece como um homem simples que enfrenta a vida com otimismo e laços de amizade e compromisso que duram anos e anos.

Juan Pablo de Vera, presidente do SPCVB, entregou o guarda-chuva da entidade para Paulus, que o substituirá na presidência do órgão. Luiz Ambar, do Sabre, também entregou uma placa ao homenageado, aplaudido de pé, como não poderia ser diferente. O ministro do Turismo, Marx Beltrão, enviou depoimento dizendo que Guilherme Paulus "serve de inspiração por sua capacidade empreendedora, competência, liderança e dedicação, que ajudaram o setor de viagens a dar um salto no Brasil e na América Latina".
Emerson Souza
Guilherme Paulus com a esposa Luiza, o deputado federal Herculano Passos, presidente da Comissão de Turismo da Câmara, e o presidente do Skal-SP, Aristides de la Plata Cury
Guilherme Paulus com a esposa Luiza, o deputado federal Herculano Passos, presidente da Comissão de Turismo da Câmara, e o presidente do Skal-SP, Aristides de la Plata Cury

Outro momento descontraído foi a apresentação de fotos históricas, que incluíram Paulus criança, o casamento com Luiza, a venda da CVC para o Carlyle e momentos em família. Citando mais uma vez o presidente da Flytour, "o Turismo precisa de reconhecimento e esse é mais que merecido ao Guilherme Paulus".

Confira mais fotos no álbum abaixo.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA