Ventos perdem força na Califórnia e ajudam bombeiros

|


Reprodução/ LA Times TV
Após duas semanas, o fogo ainda não foi contido
Após duas semanas, o fogo ainda não foi contido
Na noite de ontem (17) os ventos enfraqueceram na Califórnia, Estados Unidos, o que começa a ajudar os bombeiros na luta contra os incêndios que duram mais de duas semanas, de acordo com informações da agência Reuters. Os esforços para combater o fogo já custaram mais de US$ 131 milhões.

O incêndio de Thomas – como foi apelidado – é um dos maiores e mais destrutivos da história na Califórnia e carbonizou, principalmente, as colinas e montanhas do Ventura County’s. No entanto, o National Weather Service espera que os ventos diminuam mais nos próximos dois dias.

"Com os ventos previstos, espera-se que as temperaturas sejam mais frescas e a umidade relativa mais alta permitindo esforços favoráveis de combate a incêndios", afirmou o California Department of Forestry and Fire Protection, em comunicado oficial.

No início desta segunda-feira, cerca de 8,5 mil bombeiros haviam contido 45% do incêndio que iniciou em 4 de dezembro e atingiu 109.000 hectares ao longo da Pacific Coast, ao noroeste de Los Angeles.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA