Luck Viagens completa 55 anos de história; saiba mais

|

PANROTAS / Emerson Souza
A sócia e diretora comercial da empresa, Sandra Luck (foto divulgação)
A sócia e diretora comercial da empresa, Sandra Luck (foto divulgação)
A empresa recifense Luck Viagens está completando 55 anos de existência como uma das mais promissoras do segmento turístico no Brasil. Sua criação se deu na década de 1960, quando o potiguar e filho de alemães, Hans Walter Luck, vislumbrou a possibilidade de proporcionar experiências de lazer, de maneira prática, unindo conforto e qualidade.

Assim surgiu a Luck Viagens, batizada com o nome da família como homenagem, mas também pelo significado que tem em sua tradução do inglês para o português: sorte, aquela que acompanha os audazes, como diz um velho ditado. No ano de 1977, Werner Luck, irmão do fundador, comprou a empresa e apostou no serviço de receptivo.

O pioneirismo da ação foi reconhecido pela primeira cartilha para guias de turismo, quando a empresa adquiriu o primeiro ônibus específico para turistas. No segmento de receptivo, a empresa já recebeu da Associação das Agências de Viagens Independentes do Interior do Estado de São Paulo (Aviesp) o título de melhor do País por dez anos consecutivos, incluindo 2015.

“A Luck Viagens era composta por quatro funcionários, em uma sala pequena na Rua Matias de Albuquerque, no centro de Recife. Mesmo pequena, tinha como diferencial a excelência na prestação de serviços e elogiada pelo fato do Sr. Luck ir receber no aeroporto os passageiros que retornavam de viagens, para saber se tudo correu bem. Hoje, o nosso grande diferencial é o espírito empreendedor regido pela incontestável ética que herdamos de nosso pai Werner Luck”, declarou a sócia e diretora comercial da empresa, Sandra Luck.

Hoje, a Luck Viagens é consolidada no mercado de viagens corporativas, oferecendo agenciamento para congressos e eventos, especialidade atestada com o certificado da Associação Brasileira de Empresas e Eventos (Abeoc). De sua fundação até hoje, a empresa expandiu o receptivo no Nordeste, abriu franquias e conta hoje com 400 colaboradores.

“Levamos em consideração a necessidade de cada passageiro, por este motivo, investir no atendimento personalizado faz toda a diferença”, finaliza Sandra.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA