Embratur investirá R$ 42 milhões na AL em 2012

|

PANROTAS / Emerson Souza
Na home, o presidente da Embratur, Flávio Dino; acima, ele com o mediador e presidente da Aviesp, William Périco
Na home, o presidente da Embratur, Flávio Dino; acima, ele com o mediador e presidente da Aviesp, William Périco
A Embratur investirá no próximo ano R$ 42 milhões em diversas ações na América do Sul para ampliar o número de turistas oriundos dos países da região para o Brasil.

“O turista sul-americano gastou, por capta e por dia, US$ 59 em nosso País em 2010 – pouco distante do que o turista europeu, que gastou aqui US$ 66; então vale a pena, sim, investir nos nossos vizinhos”, disse o presidente da Embratur, Flávio Dino. Ele se baseou no “Estudo da Demanda Internacional no Brasil”, com dados de 2010, realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) para o Ministério do Turismo.

Dino participou do painel “Estratégia e Promoção do Brasil – Os Novos Rumos e Planos do Turismo para os Próximos Anos”, no Congresso da Abav. A mediação foi do presidente da Aviesp, William Périco. A secretária Nacional de Políticas do Turismo do Ministério do Turismo, Bel Mesquita, também convidada para o painel, não pôde comparecer.

Ainda de acordo com o estudo, afirmou Dino, dos 5,1 milhões de turistas estrangeiros que visitaram o Brasil em 2010 46% vieram da América do Sul. “Dos cinco maiores mercados emissores para o nosso País, dois são da região: Argentina e Uruguai”, justificou, mais uma vez, Dino sobre investir nos países vizinhos.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA