5 dicas para agências melhorarem seu pagamento on-line

|



As empresas do Turismo, em especial agências de viagens e companhias aéreas, podem se beneficiar com vendas melhores a partir de uma abordagem exata de pagamento. De acordo com a Worldpay, empresa de soluções para esse segmento, existem três passos para se chegar a um resultado ideal.

O primeiro deles diz respeito ao estágio inicial de uma reserva. Deve-se pensar, antes de tudo, em processo fácil que mostre ao seu usuário a decisão do porquê escolher comprar com você e não com o concorrente, afinal, os produtos oferecidos geralmente são semelhantes. A experiência do usuário é fundamental para criar esse enlace.

Na sequência, o segundo passo é tornar a jornada de pagamento dos clientes a mais fácil possível. Ok, isso é um tanto óbvio, mas é preciso ir adiante. Ao clicar em “Pagar agora”, a transação precisa passar por uma verificação de fraude rígida e ser aprovada pelo fornecedor antes de ser convertida, de fato, em receita.

Em terceiro e último, as empresas do setor de viagens podem prolongar o relacionamento com seus clientes além da reserva. Ou seja, isso significa oferecer produtos auxiliares durante a viagem que agreguem, como um passeio um aluguel de carro, para que a transação seja feita de forma rápida e fácil, na ponta do dedo, literalmente.

Confira abaixo cinco dicas práticas para aprimorar sua atuação no pagamento on-line:

- Anuncie os métodos de pagamento oferecidos na página inicial de seu site para garantir de imediato aos consumidores que a forma preferida deles está disponível;

- Permita que os clientes escolham sua moeda preferida, pois 25% deles não concluiria uma reserva caso sua moeda local não estivesse disponível no checkout, segundo pesquisa da própria Worldpay;

- Crie páginas de pagamento descomplicadas: reduza os campos de dados que precisam ser preenchidos e preencha antecipadamente e pré-valide as informações, como a inclusão do CEP, que insere automaticamente o nome da rua do comprador;

- Tranquilize seus clientes com certificados de segurança de pagamento e e-mails de status ou confirmação do pagamento após uma transação com êxito ou com falha.

- Se algo der errado, otimize a recuperação do carrinho de compras em caso de falha de pagamento e habilite seus canais de serviço a resolver essas mesmas questões.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA