Entrevistas com os maiores gestores de Viagens do Mundo

Entrevistas com os maiores gestores de Viagens do Mundo

Carolin Schindler - Merck KGaA

Para a Merck KGaA, gigante alemã do segmento farmacêutico, de pesquisas e tecnologia para a saúde, o grande pilar da gestão de viagens corporativas é o conforto do viajante. Mas como balancear as finanças e manter o alto padrão? A gestora da empresa, Carolin Schindler, explica as estratégias adotadas.

Kim Burns - Lear Corporation

Empresa de Detroit, especializada em assentos e sistemas elétricos para automóveis, com atuação internacional, inclusive no Brasil, onde tem fábrica em Santa Catarina, a Lear Corporation tem um movimento de US$ 40 milhões com viagens por ano (cerca de R$ 160 milhões). Kim Burns, a travel manager dos 30 mil viajantes da empresa, é a entrevistada deste mês no Connect Stories.

Fiona Lapoint - Cargill

Política restritiva e bem estar do viajante corporativo. Como conciliar? Assista à entrevista com a gestora global de Viagens da Cargill, Fiona Lapoint, que recebeu o Connect Stories na sede da empresa, em Minneapolis

Cecile Mutch - Kellogg Company

Cecile Mutch, da Kellogg Company, conta como a gigante mundial na venda de cereais economizou US$ 40 milhões por ano em despesas com viagens corporativas. Tecnologia, engajamento do viajante e mente aberta para as novidades e mudanças foram algumas das fórmulas aplicadas. Assista!

Ken Sharpe - Ford Motor Company

O global travel manager da Ford Motor Company, Ken Sharpe, é o primeiro entrevistado do Connect Stories. A entrevista foi gravada em Detroit, onde fica a sede da Ford, e Sharpe contou algumas das estratégias de gestão da empresa, que tem orçamento de cerca de US$ 300 milhões para viagens corporativas por ano.

Um projeto