Aeroporto de Viracopos começa 2017 sem dever à União

|

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), irá quitar a parcela anual da outorga no valor de R$ 188 milhões até a próxima sexta-feira (30). A obrigatoriedade do pagamento está prevista no contrato de concessão do aeroporto, que foi assinado em 2012.

O terminal irá utilizar R$ 68 milhões que já estão depositados em uma conta específica para o pagamento da outorga e outros R$ 43,8 milhões que serão utilizados depois do parecer da Anac, que aprovou na semana passada a primeira revisão extraordinária do contrato de concessão em R$ 209 milhões.
Wkimedia Commons

Apesar da aprovação da revisão feita peloo órgão, Viracopos poderá utilizar agora R$ 43,8 milhões no pagamento da outorga. O restante desse valor total será usado pelo aeroporto ao longo da concessão.

Os demais valores utilizados no pagamento da outorga foram conseguidos, segundo o aeroporto, através de estratégias financeiras que envolveram um programa drástico de redução de custos, além do uso de receitas aeroportuárias e não aeroportuárias.

O terminal aguarda apenas a liberação dos bancos credores ainda nesta semana do valor de R$ 68 milhões para que a transferência para a conta Fnac (Fundo Nacional da Aviação Civil) seja realizada para o pagamento integral da outorga de 2016.

"Esta é uma boa notícia, pois possibilitará que Viracopos comece 2017 adimplente, com o equilíbrio nas contas e também possa retomar os investimentos o mais rápido possível. Isso não é bom apenas para o aeroporto, mas para toda a Região Metropolitana de Campinas. Nos últimos meses, o aeroporto já verificou um aumento do volume de cargas e de passageiros. Isso indica que, apesar das dificuldades, o aeroporto conseguiu superar um ano de intensa turbulência e dificuldades", afirma o presidente de Viracopos, Gustavo Müssnich.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA