Bruno Hazov   |   24/11/2023 12:59   |   Atualizada em 24/11/2023 13:00

MTur repassa mais de R$ 6 milhões para Tocantins disponibilizar crédito

Montante faz parte de um repasse recorde de R$ 500 milhões anunciado esta semana pela pasta

Divulgação MTur
Nova concessão de crédito beneficiará empresas do setor turístico, com financiamento de obras, equipamentos e capital de giro, por meio do Fundo Geral de Turismo
Nova concessão de crédito beneficiará empresas do setor turístico, com financiamento de obras, equipamentos e capital de giro, por meio do Fundo Geral de Turismo
O Ministério do Turismo repassou mais de R$ 6 milhões à Agência de Fomento do Tocantins via Fundo Geral de Turismo (Fungetur) para que empreendimentos turísticos do Estado possam contrair crédito com condições especiais.

Donos de hotéis, pousadas, restaurantes, agências de viagens, entre outros empreendimentos de pequeno, médio e grande porte devidamente cadastrados no Cadastur poderão contrair crédito com taxas de juros de até 5% ao ano. A linha de crédito também incentiva projetos sustentáveis, como a aquisição de painéis solares.

"O recurso vai chegar de forma fácil e barata, à um custo baixo e com condições de carência e prazo de parcelamento vantajosos, a fim de que bares, hotéis, restaurantes, tenham acesso a esse crédito e que possam ajudar a melhorar ainda mais a visitação e a oferta de produtos e pacotes para o nosso Turismo".

Celso Sabino, ministro do Turismo

O montante faz parte de um repasse recorde de R$ 500 milhões anunciado esta semana pelo MTur, envolvendo cerca de 18 instituições financeiras credenciadas em cinco regiões do País.

De janeiro a novembro deste ano, o MTur foi responsável pela contratação de R$ 466 milhões em financiamento e por um total de pouco mais de 1 mil operações. Nesse período foram disponibilizadas diversas linhas de crédito, sendo o financiamento para capital de giro o mais acessado, representando 73% do total contratado.

“Por recomendação do governador Wanderlei Barbosa, fizemos gestão no Ministério do Turismo para que houvesse a liberação de mais verbas para o Tocantins, um Estado que está entre os dez destinos brasileiros mais procurados por turistas. Vibramos com a chegada desses recursos, porque acompanhamos os empreendedores e suas lutas. Liberar os valores para esses visionários da indústria do Turismo é motivo de orgulho, uma vez que a partir dessa ação fomentaria eles vão melhorando a condição econômica e social, a qualidade de vida, de bem-estar e isso seguramente tem um papel fundamental no desenvolvimento do Estado”

Denise Rocha, presidente da Agência de Fomento do Tocantins


Tópicos relacionados